Segurança mata jovem com ‘gravata’ em supermercado ‘Extra’ no RJ

Clientes pediram para o funcionário sair de cima do rapaz, mas foi em vão

Por: Redação | Comunicar erro

Um rapaz de 19 anos de idade morreu após levar um ‘mata-leão’ de um segurança de um hipermercado no bairro da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro (RJ), na última quinta-feira, 14.

Nas imagens que circulam nas redes sociais, o vigilante está em cima do jovem aplicando o golpe, mesmo depois de o homem estar aparentemente desacordado. É possível ouvir pessoas no entorno tentando convencer o segurança a liberá-lo, mas ele não atende aos pedidos e continua sufocando o rapaz.

segurança extra morre rapaz
Crédito: Reprodução/TwitterSegurança do Extra não atendeu aos pedidos para soltar o rapaz, que morreu na sequência

“Está sufocando”, gritou uma mulher. Outro cliente disse que o suspeito estava roxo. O segurança, por sua vez, mandou: “Cala a boca”. O rapaz morreu no Hospital Lourenço Jorge, na Barra, instantes depois.

De acordo com o “G1”, representantes do mercado afirmaram que a vítima foi imobilizada após tentar tomar a arma de um segurança.

Em nota, a Secretaria da Polícia Militar confirmou a agressão e divulgou nota:

“A Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que equipes do 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes) foram acionadas para uma ocorrência onde um homem e seguranças de um supermercado, situado na Av. das Américas, entraram em luta corporal durante a tarde desta quinta-feira (14/2). Chegando ao local, o envolvido já havia sido socorrido pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca. As partes ainda presentes foram conduzidas à 16ª DP (Barra da Tijuca) para apreciação dos fatos”.

Já o Extra Supermercado, franquia onde aconteceu o crime, informou que os seguranças envolvidos no caso foram afastados.

“A rede esclarece que repudia veemente qualquer ato de violência em suas lojas. Sobre o fato em questão, a empresa já abriu uma investigação interna e constatou de forma inicial que se tratou de uma reação a tentativa de furto a arma de um dos seguranças da unidade da Barra da Tijuca. Após o indivíduo ser contido pelos seguranças, a loja acionou a polícia e o socorro imediatamente. A empresa já abriu um boletim de ocorrência e está contribuindo com as autoridades para o aprofundamento das investigações”, anunciou.

Compartilhe:

1 / 8
1
02:53
Suzano e Nova Zelândia: os impactos da exposição excessiva
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse que o nome do atirador que matou 50 pessoas em uma mesquita em …
2
02:28
Posse de armas: Nova Zelândia dá exemplo de civilidade ao mundo
Após chocar o mundo nesta semana com o massacre de 50 pessoas em duas mesquitas de Christchurch, a Nova Zelândia …
3
03:10
Entenda o mistério por trás da boneca Momo
Ainda mais perturbador, o Desafio da Momo está de volta e desta vez a boneca aparece supostamente dentro de vídeos …
4
02:25
Bolsonaro apoia a construção de muro entre EUA e México
Em viagem diplomática a Washington, o presidente Jair Bolsonaro disse apoiar a construção do muro na fronteira entre EUA e México, …
5
01:42
A nova decisão do STF e o futuro da Lava Jato
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a partir de então os crimes de lavagem de dinheiro e corrupção quando …
6
02:31
Atentado na Nova Zelândia: crimes transmitidos nas redes sociais
Mais um atentado terrorista chocou o mundo nesta sexta-feira, dia 15. Um atirador realizou ataques simuntâneos em duas mesquitas, deixando …
7
01:45
O lugar em que os atiradores de Suzano foram considerados heróis
Uma reportagem publicada nesta terça-feira, 14, pelo portal da Vice indica que os atiradores que invadiram a Escola Estadual Raul …
8
04:17
Últimas notícias sobre a tragédia em Suzano