Soldado vegano é rejeitado pelo exército suíço por se recusar a usar botas de couro

O exército suíço declarou um vegano de 19 anos inapto para o serviço militar, após o jovem se recusar a usar botas de couro. Antoni Da Campo, que também teve problemas com a alimentação no exército, está tentando contestar a decisão no tribunal, alegando que as instituições governamentais estão falhando em acompanhar as mudanças da sociedade.

Foto: Reuters/Ruben Sprich
Soldado vegano se recusou a utilizar botas de couro

O exército suíço, que exige que todos os homens com 19 anos prestem um serviço nacional básico de 18 a 21 semanas, foi incapaz de atender às necessidades do adolescente.

Confira o final dessa história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA(Agência de Notícias de Direitos Animais).

Em parceria com ANDA

Agência de Notícias de Direitos Animais e maior portal de notícias sobre animais do mundo.

Compartilhe: