Vale diz que “não vê responsabilidade” por tragédia em Brumadinho

A empresa sofreu um bloqueio de R$11 bilhões para garantir a compensação pelo rompimento da barragem da mina do Córrego do Feijão

Por: Redação | Comunicar erro

A empresa Vale, responsável pela mina do Córrego do Feijão que rompeu na sexta-feira, 25, e deixou até o momento 60 mortos em Brumadinho, Minas Gerais, diz que “não vê responsabilidade” por tragédia. De acordo com reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, um pedido de reconsideração sobre o bloqueio de R$11 bilhões nas contas da empresa para garantir a compensação pelos acontecimentos foi enviado à Justiça.

“A Vale não vê responsabilidade. Nem por dolo, que é infração intencional da lei, nem por culpa, que é a infração da lei por imperícia, imprudência ou negligência. Ela atribui o acontecido a um caso fortuito que ela está apurando ainda”, afirmou advogado de defesa da Vale, Sergio Bermudes, ao Estado

A diretoria da mineradora está sendo alvo de grandes críticas, que pedem o afastamento de todo o corpo diretivo durante as investigações sobre a causa do rompimento da barragem.

Região atingida pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, Minas Gerais.
Crédito: Isac Nóbrega/Agência BrasilRegião atingida pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, Minas Gerais.

Presidente em exercício, general Hamilton Mourão

O presidente em exercício disse que estar estudando a possibilidade de afastamento da diretoria da Vale durante as investigações do rompimento da barragem em Brumadinho. Ele também pontuou a necessidade de uma punição severa pelo acontecimento.

“Primeiro a punição que dói no bolso, que já está sendo aplicada; e segundo, se houve imperícia, imprudência ou negligência por parte de alguém dentro da empresa, essa pessoa tem que responder criminalmente. Afinal de contas, quantas vidas foram perdidas nisso daí?”, enfatizou Mourão.

Senador Renan Calheiro

Em sua conta no Twitter, o possível candidato à Presidência do Senado também defendeu que a diretoria da mineradora fosse afastada.

O advogado da Vale, Sergio Bermudes, disse que a fala do senador “é uma declaração leviana que, na aparência, parece que quer tirar dividendos políticos do sofrimento causado pelo fato”. Ele também destacou que não haverá “intervenção do governo”, uma vez que a mineradora é uma empresa privada.

Procuradora-geral da República, Raquel Dodge

Bermudes também fez críticas à procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que defendeu que a mineradora seja “severamente” responsabilizada pelo rompimento da barragem.

“Parece não ter fundamento a declaração da procuradora-geral de que há crime. A Vale tem todo o interesse em apurar a existência de crime, embora não haja nenhum elemento apontando nesse sentido”, afirmou o advogado.

Compartilhe:

1 / 8
1
06:43
Após ser acusado de comunista, Dimenstein cobra provas de Hasselmann
A deputada federal Joice Hasselmann perdeu a calma nas redes sociais ao atacar o jornalista Gilberto Dimenstein, acusando-o de militante …
2
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
3
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
4
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
5
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
6
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
7
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
8
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …