Com R$ 157 mil, Marco Feliciano teria todos seus dentes de ouro

O deputado solicitou reembolso de R$ 157 mil à Câmara para cobrir gastos de um tratamento odontológico

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro

Um adulto tem 32 dentes.

Isso levando em conta que nenhum inciso (aquele dente que fica por último) não foi arrancado –o que é raro num adulto.

Mas vamos deixar assim: suponhamos que o deputado-pastor Marco Feliciano tenha todos os seus dentes.

E se ele quisesse ter todos os dentes –isso mesmo, todos– de ouro.

Crédito: Reprodução / Redes sociaisO deputado federal Pastor Marco Feliciano gastou R$ 157 mil com tratamento dentário

Para colocar um dente de ouro (totalmente de ouro) o custo médio, segundo informações que colhi em diversas tabelas da internet, é de R$ 5 mil.

Como Feliciano gastou R$ 157 mil do dinheiro público em tratamento dentário numa clínica do interior do Goiás, como ele mesmo declara, teríamos o seguinte: o deputado poderia ter 100% de seus dentes de ouro.

Vejam bem. Não estou falando coberto de ouro.

Mas totalmente de ouro.

Apenas essa conta mostra que o deputado vai ter muita dor por causa dos seus dentes.

Simples entender. A partir de hoje, a imprensa brasileira vai ouvir especialistas e, mais importante, investigar a tal clínica no interior de Goiás.

Vamos descobrir que o deputado provavelmente gastou num único tratamento mais do que qualquer brasileiro.

Se não foi o campeão, está entre os campeões.

Com uma diferença: Feliciano foi bancado com dinheiro público, o que o coloca numa categoria especial.

Pela minha experiência, posso dizer que muitos dos projetos do deputado estão com um canal inflamado e com a raiz quebrada.

Feliciano já se apresentava como candidato a vice numa eventual futura chapa de Bolsonaro.

É líder da bancada evangélica com um discurso moralista.

Vai ter de ficar com a boca fechada para falar em moral apesar de seus lindos dentes.

Cometeu um absurdo que é entendido por qualquer brasileiro obrigado a fazer um tratamento – e, muitas vezes, espera meses por um atendimento público.

Autor: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.

1 / 8
1
02:40
Partículas de queimadas são encontradas em água de chuva em SP
O fenômeno que atingiu São Paulo na última segunda-feira, 19, e transformou o dia em noite em diversas regiões do …
2
03:36
Nem os eleitores de Bolsonaro concordam com a indicação de Eduardo
Em meio às polêmicas que dão o tom nos primeiros oito meses do governo Bolsonaro, uma pesquisa recente mostra que …
3
02:07
Catraca Livre e MBL promovem debate sobre a política nacional
Para fortalecer a construção de um debate democrático, a Catraca Livre vai promover, nesta sexta-feira, dia 23, às 12h30, um …
4
05:46
Os melhores tipos de música que ajudam na gravidez
A partir do sexto mês de gestação, a criança já tem audição definida. Quais são os estímulos e efeitos que as …
5
03:26
Frota reconhece uso de ‘fake news’ na eleição de Bolsonaro
Na última edição do Roda Viva, da TV Cultura, o deputado federal Alexandre Frota (PSL) revelou que sabia sobre o …
6
04:24
Jatinhos: Bolsonaro ataca Huck, mas não fala nada de Hang
Após receber críticas de Luciano Hulk, o presidente Jair Bolsonaro resolveu mostrar o financiamento que o apresentador  recebeu do BNDES …
7
04:15
Bolsonaro recuará na indicação de Eduardo para embaixada ?
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) admite, pela primeira vez, a possibilidade de não indicar seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro, …
8
02:29
Sequestro na Ponte Rio-Niterói termina após mais de três horas
Um homem armado entrou em um ônibus e manteve 37 reféns no início desta terça-feira, 20, na Ponte Rio-Niterói, via …