Dimenstein: a melhor coisa que fiz quando descobri um câncer

Fiz o exame --uma ressonância magnética-- e não voltei para casa por duas semanas

Por: Gilberto Dimenstein Comunicar erro
 

Neste mês, recebi a notícia que imaginamos que apenas as outras pessoas recebem: o médico me diagnosticou um câncer.

Não sentia nada: o tumor foi descoberto num exame de rotina.

Fiz o exame –uma ressonância magnética– e não voltei para casa por duas semanas.

Fiquei direto no Sírio-Libanês.

Graças ao diagnóstico precoce e à rapidez da cirurgia, agora estou curado –embora tenha que permanecer por muito tempo atento.

Impossível não pensar como sou um privilegiado: um bom plano de saúde e acesso aos melhores médicos.

Daí surgiu a melhor coisa que fiz para lidar com essa sensação de ser um privilegiado. E agradecer.

Ajudei a criar, ali mesmo no hospital, uma campanha de comunicação para que mais pessoas pudessem ter um acolhimento precoce.

E tudo por R$ 1,00. Isso mesmo, muito menos que um cafezinho.

Uma das mais criativas agências de publicidade –AMPFY– colocou suas melhores cabeças gratuitamente para entrar nesse desafio e disseminar esse projeto.

Existe uma entidade de médicos que oferecem consultas gratuitas para entidades sociais, facilitando exames.

Chama-se Horas da Vida.

Eles cuidam das crianças e jovens das entidades, além de seus familiares, numa ação preventiva e educativa.

Acompanho o magnífico efeito desse trabalho porque eles atuam na Orquestra Sinfônica Heliópolis, da qual sou presidente do conselho.

Apenas diagnosticar um problema de visão, por exemplo, já faz toda a diferença para quem tem de ler a pauta musical.

Daí surgiu esse projeto, em que se pode doar R$ 1 real para ampliar a estrutura do Horas da Vida e ajudá-lo a atender mais entidades.

Esse foi meu jeito de agradecer a cura.

Nesses momentos é que vemos maravilhosas cenas. Um dos meus médicos –Cesar Camara– gostou tanto da ideia que decidiu bancar do próprio bolso um ano inteiro de apoio para a Orquestra Sinfônica Heliópolis.

Por: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.

1 / 8
1
04:13
Olavo de Carvalho diz que o problema do Brasil não é a corrupção
Em um recente vídeo publicado nas redes sociais no domingo, dia 15, o guro do governo Jair Bolsonaro, o astrólogo …
2
03:23
Eduardo Bolsonaro será o embaixador mais caro da história do Brasil
Reportagem publicada na Folha de São Paulo nesta segunda-feira, 16, mostra que o esforço desesperado de Jair Bolsonaro para evitar …
3
05:04
Jornalista ‘canalha’ ensina interpretação de texto a Carlos Bolsonaro
Carlos Bolsonaro chamou jornalistas de ‘canalhas’, em novo post, no seu Twitter, nesta terça-feira, 10, após se justificar sobre seu …
4
03:50
Bolsonaro leva uma facada do seu filho Carlos no hospital
Enquanto começa a recuperação da cirurgia, Jair Bolsonaro vai ter que responder com urgência a facada que seu filho Carlos …
5
03:38
Aliança Bolsonaro, Edir Macedo e Silvio Santos vai acabar mal
A foto está em todos os lados: no jantar ontem no Palácio da Alvorada, Bolsonaro ao lado de Silvio Santos, …
6
02:40
A pornografia de Marcelo Crivella
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, mandou recolher todos os exemplares do gibi “Vingadores – A Cruzada das …
7
05:01
A paranoia de Bolsonaro com os seus aliados de governo
O presidente Jair Bolsonaro parece viver em um constante estado de alerta enquanto aguarda que algo ruim aconteça com o …
8
04:32
Um jeito provocativo de comemorar o Dia da Amazônia
O que você diria ao ver uma placa de vende-se em frente ao Parque Trianon, na Av. Paulista? O local …