Sensacionalista: Damares pede a volta do Merthiolate que arde

Por: Gilberto Dimenstein | Comunicar erro

Não está faltando material para o humor no governo Bolsonaro.

Prova disso é essa brincadeira deliciosa do “Sensacionalista”.

“A ministra dos Humanos Direitos, Damares Alves, disse que a sociedade brasileira precisa urgentemente que o Merthiolate volte a arder. A suavização do remédio seria o motivo pelo qual os meninos começaram a usar rosa.

 

Uma reportagem exclusiva feita pelo grupo família do WhatsApp mostra que a ditadura gayzista começou quando o fabricante do remédio, contratado por Pabllo Vittar e pelos médicos cubanos, tirou o componente que ardia e ainda teria tentado trocar o aplicador do remédio por um pequeno pênis de borracha”.

Só aconselho aos humoristas que, nessa época, tomem cuidado: muita gente é capaz de levar a sério.

Compartilhe:

Autor: Gilberto Dimenstein

Jornalista, educador e fundador da Catraca Livre.

1 / 8
1
02:32
Datafolha explica as vaias que Bolsonaro recebeu no Maracanã
Dois pontos da pesquisa Datafolha publicada nesta segunda-feira, 8, pela Folha, mostram a pior notícia para Jair Bolsonaro. E se não …
2
03:33
O desequilíbrio de Bolsonaro na demissão de Joaquim Levy
O economista Joaquim Levy deixou a presidência do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) neste domingo, 16. A …
3
02:28
Bolsonaro deveria ser processado por homicídio culposo
Está repercutindo no país o desfecho da morte da modelo Caroline Bittencourt. O empresário Jorge Sestini, marido de Caroline, será indiciado …
4
03:57
Guru de Bolsonaro está nu
DIREÇÃO: Gilberto Dimenstein COMENTÁRIO: Gilberto Dimenstein CAPTAÇÃO: Daney Carvalho (DN|LC) EDIÇÃO: Daney Carvalho (DN|LC)
5
02:09
O PEIXE FEDEU PARA A FAMÍLIA BOLSONARO
6
07:22
Entenda o que é velha política
“Descomplicando” é um programa que discute as notícias e assuntos do momento, aprofundando e refletindo sobre seu significado e consequências …
7
03:32
MINISTRO DE BOLSONARO DEFENDE GUERRILHEIRA DILMA
8
04:47
TÁBATA DÁ UMA MARAVILHOSA LIÇÃO AO BRASIL DE BOLSONARO