Artista cria elaborados cenários para registrar fotografias sem uso de Photoshop

Entreter

Amplexos e A Música da Alma (dub)

Amplexos no Festival Polifonia – edição 2014 (Volta Redonda, RJ). Foto: Marcela Aguiar[/img]

O disco A Música da Alma (2012) é um disco que incorpora elementos de funk, soul, afrobeat, reggae. Cheio de swing e essencialmente espiritual (resultante de uma multiplicidade de experiências vividas pelo grupo), o álbum traz reflexões de natureza existencial que fazem valer cada audição: “É de dentro que vem / Os conflitos do homem / Cada guerra que tem / É contra si também.” (O Homem)

A Música da Alma Dub (dez 2014, independente) contou com produtores de referência internacional como Victor Rice (USA), Mad Professor (GUY), Prince Fatty (UK), The Scientist (JAM), Thomas PatagoniaDUB (CHL), Buguinha Dub (BRA), e um time de produtores cariocas que vem se destacando em solo nacional, como o Dub Ataque, o Monstruoso Sistema de Som e o Beatbass High Tech. Foi masterizado em Miami (EUA), no Estúdio Red Traxx Music, pelas mãos do produtor Felipe Tichauer.

“É emocionante, passam milhões de coisas pela cabeça e é sempre surpreendente além do esperado, porque o dub é imprevisível, ainda mais quando se trabalha com vários produtores diferentes.” (Eduardo Valiante, vocal e guitarra)

Na faixa Dub Boladão, um dos destaques do disco, Mad Professor brinca com a utilização da voz como instrumento – processo comum do gênero em que a voz pode ser fragmentada e modificada através de efeitos. Outro destaque fica por conta da faixa Sim, produzida pela dupla Mateus Pinguim e Leo Flores do Dub Ataque Sound System, que deu destaque à energia do rock trazendo uma leitura completamente diferente de sua versão original. Pedrada!

A banda de Volta Redonda (RJ) disponibilizou o disco para audição e download gratuito no site: www.amplexos.comNo site você poderá ouvir também a versão original de “A Música da Alma”.


Nota: Os primeiros álbuns de dub foram lançados na Jamaica em 1973: Blackboard Jungle Dub, dos Upsetters (parceria de Lee Perry e King Tubby), Java Java Dub (mixado por Errol Thompson) e Aquarius Dub (mixado por Herman Chin Loy). No Brasil encontramos as primeiras experimentações no disco Selvagem?, lançado em 1986 pela banda Paralamas do Sucesso, na composição das faixas “Teerã Dub” e “Marujo Dub”.


Compartilhe: