Últimas notícias:

Loading...

Conheça o trabalho de Sailor Jerry, pioneiro da tatuagem contemporânea

As tatuagens de Sailor Jerry aproximaram o estilo oriental e ocidental

Por: Redação
sailor-jerry11
Sailor Jerry revolucionou o estilo e a técnica de tatuagem

A história da tatuagem remonta aos povos do Egito, entre 4000 e 2000 A.C e aos Polinésios, Filipinas, Tailândia e Nova Zelândia em seus rituais religiosos.

Porém, a popularização da tatuagem pode ser ligada ao nome de Normal “Sailor Jerry” Collins (1911-1973). Ele criou um lendário estúdio de tatuagem no final dos anos 20, em Honolulu, Havaí.

Local onde marinheiros atracavam, bebiam, saíam com prostitutas e faziam tatuagens – um breve respiro na rotina de guerra daqueles que não sabiam se estariam vivos no dia seguinte.

“Um bom trabalho não é barato. Trabalho barato não é bom” 

Sailor Jerry se alistou como voluntário na marinha aos 19 anos e viajou para a Ásia, onde entrou em contato com a arte japonesa, que influenciou diretamente seu trabalho.  – criando um elo entre o estilo ocidental e oriental.

Ele ampliou a palheta de cores disponíveis e criou novas tecnologias para a tatuagem, como agulhas modernas.

Na época, era comum que as pessoas escolhessem desenhos prontos. Os “flashs” de Sailor Jerry são populares até hoje, são caravalenas, âncoras, pin-ups, águias, entre outros – ilustrações que contam a rotina dos marinheiros, mas também mostram uma visão poética e bem humorada da própria vida de Sailor Jerry.

Com um comportamento único, o artista tinha uma personalidade plural: condenava tatuadores não profissionais; usava humor sarcástico; tinha inclinações de direita, mas se considerava um libertário; e acreditava que a tatuagem era uma afronta às pessoas quadradas.

Ele também foi pioneiro nos cuidados das tatuagens e no uso da agulha descartáveis.

Veja trailer do documentário recém-lançado sobre a vida do tatuador.

Compartilhe:

Tags: #Tatuagem