‘Robôs de flerte’ roubam dados de cartão de crédito no Tinder

Por: Redação

Cuidado com quem você anda dando match no Tinder, pode não ser uma pessoa boa, ou pior, nem ser uma pessoa. A empresa de segurança na internet Symantec detectou um novo tipo de golpe que usa bots para conseguir os dados de cartão de crédito do usuário.

O golpe começa quando o usuário dá match em um perfil falso que na verdade é de um robô. Eles então ‘flertam’ com o usuário através de uma mensagem automática e propõem marcar um encontro. No entanto, o bot pede para que o usuário faça uma verificação de identidade através de um código gerado em um site do Tinder.

Robo-Tinder
Golpistas usam robôs no Tinder para seduzir e roubar dados dos usuários.

Acontece que o site é falso e pede diversos dados, entre eles o número do cartão de crédito. Com a informação, os criminosos fazem assinaturas em sites pornográficos em um valor de cerca de R$ 400. O usuário só descobre que foi fraudado depois de 90 dias quando a cobrança chega em sua fatura.

A Symantec identificou 13 golpes de procedimento semelhante no Tinder. Segundo a empresa, as melhores proteções é denunciar no próprio app perfis suspeitos de serem bots, além de nunca ceder dados financeiros e pessoais em conversas do aplicativo.

Compartilhe: