Russo cria cadeira de rodas para mergulho de deficientes físicos

Invenção é do mergulhador paraplégico Igor Skikevich, de 51 anos

Por: Redação | Comunicar erro

Limitação é uma palavra que não deve estar no vocabulário do mergulhador Igor Skikevich, de 51 anos. Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas, com o objetivo de ganhar mais mobilidade durante seus mergulhos.

O experimento deu tão certo que uma fábrica russa irá produzir as cadeiras de rodas adaptadas em larga escala. Esta não é a primeira cadeira de rodas para mergulhadores do mundo, já que a artista britânica Sue Austin já tinha lançado um modelo que custa £ 7,4 mil (cerca de R$ 31,4 mil).

O mergulhador Igor Skikevich, de 51 anos
O mergulhador Igor Skikevich, de 51 anos
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas
Paraplégico, ele teve a ideia de acoplar motores à propulsão e tanques de oxigênio em uma cadeira de rodas

A grande diferença da cadeira criada por Skikevich é que ela deve chegar ao mercado ao valor de 70 mil rublos (aproximadamente R$ 3,8 mil). Um custo que permitirá a muitos deficientes físicos poderem mergulhar com segurança.

https://www.youtube.com/watch?v=RcP8qG0qNiI

(via Mirror)

Compartilhe:

1 / 8
1
09:00
Dim Brinquedim e a arte do brincar
O artista cearense Antonio Jader Pereira dos Santos, também conhecido como "Dim Brinquedim", é o fundador do Museu Brinquedim em …
2
05:46
Criatividade e talento na dança de Deborah Colker
A renomada coreógrafa brasileira Deborah Colker está com sua nova apresentação "Cão sem plumas" rodando mundo a fora. Nossa equipe foi …
3
09:08
A magia dos arranjos musicais
O compositor e multi-instrumentista Antonio Loureiro é entrevistado pelo jornalista Gilberto Dimenstein neste novo vídeo da série Mestres da Criatividade. A …
4
05:33
Chega de embalagens: preservando o meio ambiente
Já pensou entrar em um supermercado em que os produtos são todos vendidos a granel, sem embalagens? Você leva o …
5
02:35
Criatividade e Solidariedade: transformando a dor em beleza.
A vida do garoto Angelo Henry, morto em 2014, inspirou uma linda história de solidariedade que ressoará na vida de …
6
01:17
A mãe que reescreveu a história da sua filha
O que uma mãe não faz por seus filhos? A Alessandra, mãe da Naná, notou que às vezes havia uma certa …
7
02:47
Não existe nada por acaso
Um dos melhores intérpretes da MPB, Simoninha doou o seu talento à Orquestra Sinfônica Heliópolis em um show no Masp …
8
04:36
Brasileira cria aplicativo que promove a inclusão
"Brainy Mouse" é o nome do aplicativo que une criatividade, inclusão e tecnologia. Criado pela brasileira Ana Sarrizo esse jogo carrega …