Entreter

Teste do gênero oposto no Facebook coleta dados pessoais

Quem entrou na brincadeira pode ter cometido um erro

Por: Redação | Comunicar erro
Foto de Glória Pires no teste de troca de gênero do Facebook

O Facebook pode ter armado uma emboscada para os amantes daqueles testes que aparecem na timeline dos usuários da rede social.

Isso porque a brincadeira do momento “Como Você Seria Se Fosse Do Gênero Oposto?” foi criada pela Kueez, empresa pouco conhecida, e que retém os dados pessoais de quem entra no link do teste.

De acordo com o site “Uol”, quem ficou curioso para ver como ficaria se fosse do gênero oposto disponibilizou para a empresa o nome, imagem do perfil, datas de nascimento, fotos publicadas no Facebook, lista de amigos, contato e endereço de e-mail para logar na rede social.

E a lista não acaba por aí… A Kueez também coleta informações do modelo do celular ou computador com o qual você fez o teste, e a sua localização.

Ficou preocupado? Não se desespere, ainda há chance de recuperar suas informações.

A empresa disponibiliza uma ferramenta em seu site para remover todos os seus dados pessoais do banco de dados deles. Entretanto, não há garantias de que suas informações serão, de fato, ocultadas definitivamente do site.

Outra alternativa é entrar em sua conta no Facebook e ir na parte de ‘Configurações de Aplicativos do Facebook’.

Confira a matéria completa AQUI

Saiba mais sobre o aplicativo abaixo:

App que transforma você no sexo oposto viralizou no Facebook

Compartilhe: