Vinil4Todos: o primeiro crowdfounding para discos do Brasil

Iniciativa surgiu para incentivar artistas e bandas brasileiras à prensar discos de vinil

Por: Redação | Comunicar erro
Victor Sousa
Ivan e Thaís tocam juntos o projeto

A cultura do vinil sobreviveu à diferentes revoluções tecnológicas, como o CD, o DVD e até mesmo o mp3. As agulhas e tocadiscos continuam a girar.

Apesar da ascensão internacional do mercado de discos, os músicos brasileiros ainda enfrentam dificuldades para conseguir lançar os seus álbuns em vinil.

A Media4Music, localizada na Vila Madalena, zona oeste de São Paulo, quer mudar essa realidade com o projeto Vinil4Todos – a primeira plataforma de crowdfounding para discos do Brasil.

Da importação ao financiamento colaborativo

O produtor musical e gerente de negócios do projeto, o checo Ivan Macenauer, 30, explica que a Media4Music surgiu com o objetivo de prensar os discos brasileiros na República Tcheca, onde a prensagem é barata e de alta qualidade.

Ele trabalhava na IBM há 5 anos, mas apesar da carreira estável, não estava feliz. “Aqui somos uma empresa de músicos para músicos. E mesmo com as dificuldades me sinto realizado de poder ajudar”, comenta.

Victor Sousa
Prensa permite que vinil fuja do tradicional
Victor Sousa
Vinil pode ser colorido e em formatos diferentes
Victor Sousa
Esse é um cartão postal em vinil. Os custos para trazê-lo ao Brasil ainda são altos

Ivan explica que apesar dos bons preços do leste europeu, as taxas de importação e transporte para o Brasil são altas. O que deixa o produto final  caro para os artistas.

“Nós tentamos tudo para baratear os custos. Temos preços diferenciados, a melhor qualidade. Permitimos a impressão de baixa tiragem, mas mesmo assim estávamos recebendo poucas encomendas no último mês”, comentou.

Além de poucas pessoas conhecerem o projeto, Ivan acredita que o preço ainda é caro para os artistas, especialmente os independentes.
Estávamos pensando em como fazer com que as bandas conseguissem prensar os discos sem ter grandes custos, até chegamos ao modelo de crowdfounding.

Sem taxas, sem custos

A gerente de comunicação do projeto, Thaís Cruz, 27, jornalista e cantora, conta que o sucesso da campanha da banda Dead Fish no Catarse os empolgou para iniciarem o projeto de financiamento.

O Media4Music utiliza a técnica de masterização direto do metal, que aumenta a qualidade do disco
O Media4Music utiliza a técnica de masterização direto do metal, que aumenta a qualidade do disco
Victor Sousa
Bandas e artistas podem escolher diferentes pacotes de prensagem
Victor Sousa
Projeto de financiamento colaborativo já está no ar

“Não é barato lançar um disco, mas sempre conseguimos dar um jeito quando queremos algo. Por isso a ideia do vinil para todos”, diz.

Ela explica que a empresa pode cuidar de todo o processo: orçamento, fabricação, transporte, arte e masterização. E o artista também pode escolher as recompensas.

Ivan lembra que a ideia não é ser um site de crowdfounding como os outros. “Nós temos que ser diferentes. Não cobramos taxas. Tudo é de graça, nosso negócio é apenas a encomenda”, explica.

Para criar uma campanha e prensar o seu disco, basta preencher o formulário no site.

Futuro

Segundo Ivan, a Ideia da Media4Music é ser uma empresa transparente, incentivar aritstas, praticar preços justo, em que artistas pequenos e grades possam realizar encomendas.

Artistas renomados e independentes já prensaram discos com eles, como Criolo, Di Melo, Céu, Clube do Balanço, entre outros.

Agora, eles pretendem começar a realizar pocket shows e work shops na casa. Abrir o espaço para o fluxo de artistas e fãs.

No fim da conversa, Ivan conta que lembra dos momentos em que colocava a agulha para ouvir Pink Floyd quando criança. Mas o tom da conversa não é nostálgico.

“A história é legal, mas o que vem daqui para frente depende de nós. Temos que encorajar, tornar acessível. Não estou falando de passado, mas do futuro”, conclui o checo.

 

1 / 8
1
02:47
Não existe nada por acaso
Um dos melhores intérpretes da MPB, Simoninha doou o seu talento à Orquestra Sinfônica Heliópolis em um show no Masp …
2
04:36
Brasileira cria aplicativo que promove a inclusão
"Brainy Mouse" é o nome do aplicativo que une criatividade, inclusão e tecnologia. Criado pela brasileira Ana Sarrizo esse jogo carrega …
3
04:17
Restaurante brasileiro é referência mundial de sustentabilidade
Sair para comer fora também pode ser um ato de resistência contra a destruição do planeta – e isso vale …
4
01:41
As camisas dos verdadeiros campeões
Você está vendo essa criança com camisa de futebol? Essa não é uma camisa comum, na realidade ela é uma …
5
01:47
Mestres da Criatividade: Grafites atropelam a intolerância
Um movimento de arte em favor do amor e contra a intolerância surgiu nas ruas de Berlim: Paint Back, promovido …
6
04:53
Como a passagem de um livro virou uma música sublime
Numa passagem da obra-prima "O tempo e o Vento", de Érico Veríssimo, a protagonista Ana Terra se encanta com sua …
7
01:39
Mestres da Criatividade: doação de alimentos sem sair de casa
Mais de 7 milhões de pessoas têm algum tipo de dificuldade para comprar alimentos. Pensando em reduzir esse desigualdade, a …
8
02:11
Drones do bem: tecnologia que salva vidas
Você já conhece os drones, pequenas aeronaves não tripuladas controladas remotamente, certo? O objetivo inicial desses dispositivos era militar, permitindo que …