Bolsonaro diz que Guedes ‘não é obrigado a continuar no cargo’

Por: Gilberto Dimenstein

Em visita ao Recife, o presidente Jair Bolsonaro disse que o ministro Paulo Guedes (Economia) está “no direito dele” e não é obrigado a continuar no governo.

A fala é uma resposta a Guedes, que declara em entrevista a revista “Veja”  que deixará o cargo  caso a reforma da Previdência apresentada pelo governo vice uma “reforminha“.

Bolsonaro
Crédito: Marcos Corrêa/PRBolsonaro durante visita ao castelo São João, onde está localizada a coleção de armas Brancas do Instituto Ricardo Brennand

“Ele tá (sic) no direito dele, ninguém é obrigado a continuar como ministro meu. Logicamente ele está vendo uma catástrofe. E é verdade, concordo com ele. Se nós não aprovarmos uma reforma realmente muito próxima da que nós enviamos para o Parlamento”, disse Bolsonaro após reunião com governadores do Nordeste e de Minas Gerais.

Compartilhe: