Dimenstein: risco de Bolsonaro não é o PT, mas o efeito Gentili

Por: Redação

Há uma diferença entre o discurso de Jair Bolsonaro antes e depois das eleições. E por uma questão simples: sobrevivência.
Em toda a sua vida – repetimos, toda – ele nunca valorizou ao democracia. Pelo contrário. Ainda hoje ele não admite que a ditadura militar foi ditadura. Nem a censura foi a censura.
Por esperteza, ele teve de mudar.

Basta ver essas promessas de Bolsonaro depois de eleito.

O discurso beligerante de Bolsonaro serviu para ganhar as eleições. Mas não serve para governar – aliás, seria um caminho rápido para sua derrocada. Note-se que a péssima reação que teve seus ataques à Folha, vistos ( com razão), como desrespeito à liberdade de imprensa.
Uma boa parte de seus eleitores só votaram nele para evitar o PT. Assim como uma boa parte dos eleitores só votaram em Haddad para evitar Bolsonaro.
A imensa maioria dos brasileiros não é de extremos. É de centro – um centro que varia da centro-esquerda à centro-direita.
As maluquices que Bolsonaro falou ao longo de seu vida o colocariam como alvo do Judiciário, do Ministério Público, do Congresso e da imprensa. Mais: possivelmente o colocariam contra seu ministro da Justiça, Sérgio Moro.
Lembremos que o primeiro ano de Bolsonaro não será fácil: terá de aprovar reformas amargas e impopulares. Talvez até subir impostos.
É óbvio que mexer na previdência provoca desgastes. E ainda demora até essas medidas produzirem um vigoroso crescimento econômico que reduza o desemprego.

Um sinal é o protesto de um de seus eleitores mais festejados: Danilo Gentili. Ele lançou a campanha #MagnoMaltaNão – aliás, apoiada pela Catraca Livre e Quebrando o Tabu.
O efeito Gentili mostra que as pessoas podem rapidamente se frustrar. Ninguém pode chamar Gentili de esquerdopata ou comunista. Perder apoio na opinião pública e, ao mesmo tempo, enfrentar processos por ferir a Constituição é o caminho mais rápido para um impeachment.

1
03:38
Joice Hasselmann é a prova viva da doença mental de Bolsonaro
Joice Hasselmann não fez nada de errado em relação a Jair Bolsonaro. Como política, criou vários canais de diálogo, como …
2
02:21
Polícia Federal revela fraude do PSL
Uma operação da Polícia Federal cumpriu mandado de busca e apreensão nesta terça-feira, 15, em endereços ligados ao deputado federal …
3
02:44
Carta da prisão mostra suposto mandante da facada de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro publicou um vídeo na internet afirmando ter recebido uma carta com o nome do suposto mandante …
4
03:35
Assessor de Bolsonaro chama Coringa de esquerdista sem Deus
O filme do inimigo do Batman chegou definitivamente para colocar mais lenha na fogueira das discussões políticas. Que o diga …
5
02:46
Bolsonaro vai ter de engolir a Folha de S.Paulo sem água
Uma matéria publicada pelo jornal Folha de S.Paulo mostra que a Polícia Federal (PF) indiciou o ministro do Turismo, Marcelo …
6
02:43
Bolsonaro briga com novos métodos medicinais
A proposta que visa liberar o cultivo da maconha medicinal no Brasil segue em discussão na Anvisa (Agência Nacional de …
7
02:42
A novela de Adélio Bispo ganha um novo aliado
Mal assumiu o cargo de procurador-geral da República, Augusto Aras já mostra estar alinhado com Jair Bolsonaro ao aderir à …
8
02:49
Entenda por que Lula não quer sair da cadeia
O ex-presidente Lula reafirmou nesta segunda-feira, dia 30, que não vai aceitar a proposta feita pela força-tarefa da Operação Lava-Jato …