CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Ministro do MEC pediu fim do ensino de filosofia em universidades do Nordeste

Por: Gilberto Dimenstein

Anunciado como o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub já defendeu que as universidades do Nordeste não deveriam oferecer cursos de disciplinas como sociologia e filosofia. Informa o jornalista Josias de Souza.

Abraham Weintraub
Crédito: Rafael Carvalho/Casa CivilAbraham Weintraub e Onyx Lorenzoni, durante o governo de transição

Para ele, esses estabelecimentos deveriam priorizar o ensino de agronomia, “em parceria com Israel”. A afirmação foi feita numa transmissão pela internet em setembro do ano passado ao lado do hoje deputado pelo PSL, Luis Philippe Bragança.

“Em Israel, o Jair Bolsonaro tem um monte de parcerias para trazer tecnologia aqui para o Brasil. Em vez de as universidades do Nordeste ficarem aí fazendo sociologia, fazendo filosofia no agreste, [devem] fazer agronomia, em parceria com Israel. Acabar com esse ódio de Israel. Israel, nas faculdades federais, é loucura o que você escuta, né?”

“Mal comparando, a ideia de privar estudantes nordestinos de determinados cursos é tão radioativa quanto outra tese que ajudou a compor o caldeirão de polêmicas que dissolveu a gestão do demitido Ricardo Vélez”, diz Josias

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.