CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Aplicativo ajuda usuário a poupar e investir dinheiro

Por: Silvia Melo

O aplicativo Quanto Gastei promete colocar o usuário no controle de suas finanças e forçá-lo a economizar alguns centavos a cada compra. A ideia é do jovem alagoano Leandro Melo, de 33 anos, que recebeu apoio de seus dois irmãos, formados em computação.

Integrada às contas bancárias e cartões de crédito do usuário, a ferramenta, que conta com 25 mil usuários, possibilita o gerenciamento dos extratos atualizados, recebimento de lembretes de pagamentos e visualização de gráficos explicativos que mostram de onde vem e para onde vai o dinheiro.

O app ainda tem como proposta oportunizar a economia daqueles centavos que parecem não fazer diferença, mas, no fim, fazem. Funciona assim: ao realizar uma compra com um valor fracionado (exemplo: R$5,75), o Quanto Gastei arredonda esse valor ( R$5,75 para R$6,00). Os centavos que sobram em cada compra serão somados e investidos. Nesse ponto, é possível autorizar a equipe do app a aplicar esse dinheiro da melhor maneira possível.

O Quanto Gastei está disponível gratuitamente para download nos sistemas Android e iOS.

Confira abaixo as funções do aplicativo:

Leia a entrevista com o criador do aplicativo, Leandro Melo:

1. Como surgiu a ideia do aplicativo?

A ideia do aplicativo nasceu de um problema pessoal, na dificuldade de controlar e gerenciar as finanças pessoais de uma maneira fácil e automática, me reuni com uma equipe, que hoje são meus sócios e passamos a pesquisar soluções disponíveis no mercado, identificamos uma série de oportunidades e passamos a estudar o mercado, que reiterou a demanda e passamos a desenvolver o aplicativo.

Em nossas pesquisas, identificamos que a falta de controle financeiro é um problema que atinge mais de 80% da população brasileira, indicadores do SERASA mostram que ⅓ da população economicamente ativa está em dívidas,  gerando impactos econômicos e sociais.

2. Qual o principal objetivo do app?  

O Quanto Gastei tem como objetivo prover controle gratuito das finanças pessoais para que os usuários possam realizar micro investimentos de forma prática, simples e automatizada. Realizamos integração com os principais bancos, além de possibilitar a inserção de lançamentos por meio de controle de voz, organizando automaticamente as finanças em categorias apresentadas na forma de gráficos explicativos. Com a vida financeira organizada, o usuário consegue realizar seus sonhos.

3. De que maneira o usuário economiza usando o Quanto Gastei?

Nosso modelo propicia o controle financeiro, e através da análise dos gráficos intuitivos, as pessoas conseguem ter domínio sobre suas informações financeiras e tomar decisões para reduzir seus custos. O segundo passo é através da educação financeira ajudar as pessoas a investir, trabalhamos com arredondamento monetário para que os centavos que sobram de cada compra sejam somados e esses valores sejam destinados futuramente a investimentos, é o que chamamos de micro investimentos. Na atual versão, é possível gerenciar os valores dos arredondamentos e obter opções de onde investir. Planejamos ainda esse ano lançar a versão que automatiza os investimentos de centavos.

4. Com quantos usuários o app conta hoje?

25.000 usuários

5. Qual foi o valor investido para tirar o projeto do papel?

Inicialmente R$ 25.000,00 e em um ano de projeto já estamos na casa de R$ 700.000,00

6. E como você monetizam com o app?

Nossa plataforma de controle é gratuita, e a monetização será feita a partir da taxa de ativação do serviço de micro investimento automático.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.