Comer com os olhos? Conheça os truques que os restaurantes usam para você gastar mais

Por: Pra Onde vai Agora? Comunicar erro

Você chega em um restaurante e a primeira coisa que faz é “devorar” o cardápio com os olhos. Só a lista de pratos já te faz ficar com água na boca, mas saiba que não é apenas a sua fome falando nesta hora. Há truques psicológicos imperceptíveis que os restaurantes usam para enganar seu cérebro e te fazer comer e, consequentemente gastar mais.

O site Mental Floss fez uma lista de todos esses truques. Confira abaixo!

1. Oferecem opções limitadas

Os melhores menus seguem uma teoria psicológica conhecida como “paradoxo da escolha” que diz que quanto mais opções, maior a ansiedade. O ideal são sete opções por categoria. “Quando existem mais de sete itens, o consumidor se sente oprimido e confuso, e quando se confundem, optam por algo que já comeram”, afirma o designer de menus Gregg Rapp. Um cardápio bem projetado pode seduzir a fim de deixar um prato mais caro mais interessante. Segundo o profissional, à medida que complica-se os menus, o cliente se sente estressado.

2. Fotos no cardápio

Segundo Rapp, incluir uma imagem de boa aparência ao lado de um item alimentar aumenta as vendas em 30 por cento. Já o efeito das imagens é ainda mais poderoso quando se tratam de vídeos ou GIFs. Em um estudo da Universidade de Iowa, os pesquisadores testaram um display digital de uma salada para as crianças de um acampamento. Aqueles que viram a imagem da salada foram até 70 por cento mais propensos a pedir o prato para o almoço. Quanto mais vívida a imagem, em termos de movimento, cor e precisão da representação, maior será o estímulo para a compra.

3. Manipulam os preços

Uma maneira de incentivá-lo a gastar mais dinheiro é utilizando etiquetas de preços discretas. Uma técnica comum é a de esconder o cifrão. Ao invés de R$ 15,00, apenas o numeral 15. Outra mais antiga é a do 0,99. Um prato listado a R$ 9,95 é mais chamativo do que um a R$ 10. As linhas pontilhadas que levam do item de menu para o preço é um pecado capital do design menu. Desta forma o consumidor olha o prato e, em seguida, olha para a esquerda para ver o preço mais baixo que pode escolher. A solução? Listar os preços discretamente após a descrição refeição no mesmo tamanho de fonte, para que seus olhos apenas deslizem para a direita sobre ele.

4. Destacam os itens caros

Perspectiva é tudo quando o assunto é cardápio. Um truque simples é incluir um item extremamente caro perto do topo do menu, mesmo que ele não seja o carro-chefe da casa: isso faz com que os outros itens pareçam ter preços mais razoáveis. Por outro lado, itens mais caros sugerem que a comida é de qualidade superior. Isso faz com que os clientes se sintam satisfeitos com o que acabaram de pagar para comer.

5. Brincam com seus olhos

Assim como os supermercados colocam os itens rentáveis ao nível dos olhos, os restaurantes projetam seus cardápios a fim de aproveitar o máximo sua visão. O canto superior direito é o mais disputado. “O direito superior é o local onde uma pessoa vai em uma folha de papel em branco ou em uma revista”, explica Rapp. Então é lá que estarão os itens que os restaurantes estão mais interessados em vender. Outro truque é criar espaço em torno de itens de alto lucro, colocando-os em caixas ou de algum modo que os separa do resto das opções.

6. Abusam das cores

De acordo com Aaron Allen, consultor de restaurantes, cores diferentes ajudam a criar sentimentos e comportamentos motivacionais. “O azul é uma cor muito suave, por isso é usado para criar um efeito calmante, por exemplo”, diz ele. Você já reparou o número de restaurantes que utilizam vermelho e amarelo em sua marca? Sim, a cor afeta nosso humor. O vermelho estimula o apetite, enquanto o amarelo atrai a nossa atenção. As duas cores misturadas são os melhores para estimular o consumo.

7. Usam uma linguagem sofisticada

Quanto mais detalhes possui a descrição do alimento, mas ele vende. Por isso não se surpreenda se ficar mais interessado em comer um “pudim de chocolate com toques aveludados de avelã” do que um simples “pudim de chocolate”. O item pode ser o mesmo, mas a linguagem faz toda diferença e ainda faz o cliente achar que está pagando um preço justo pela quantidade de ingredientes que está consumindo em um único prato. Adjetivos como “direto da fazenda”, “com sabor de comida do interior” e até mesmo o “gourmet” também são muito utilizados, afinal mexem com o lado emocional do consumidor – mesmo que o prato seja comum. “Essas coisas ajudam a aumentar a percepção da qualidade do produto”, diz Allen.

8. Fazem você se sentir nostálgico

Todos nós temos uma refeição que nos leva de volta à infância. Os restaurantes sabem disso e usam esta informação para sua vantagem. “Aludir a períodos passados pode desencadear memórias felizes de família e tradição”, diz um estudo. Com este truque, os clientes têm a sensação de que estão degustando algo saudável e tradicional, pois com certeza serão atraídos a comer a “torta de morango da vovó”.

Compartilhe:

Por: Pra Onde vai Agora?

Se desta vida não se leva nada, vamos sair pelo mundo e coletar memórias de lugares maravilhosos! Pra onde você vai agora?

Termos da rede:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Pra Onde vai Agora? da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

1
03:18
Como economizar dinheiro usando o celular #CatracaLivreEconomize
Sabia que dá para ganhar dinheiro compartilhando os códigos de descontos oferecidos por aplicativos como uber eats, ifood, 99 e …
2
02:02
Como fazer uma casa para o seu pet com uma lata usada #CatracaLivreEconomize
Aprenda como reciclar uma lata de tinta vazia para criar uma linda casa personalizada para o seu pet. Tudo o que …
3
39s
Mercado de SP tem descontos de até 70%
Para consumo imediato: mercado de SP tem desconto em produtos. Saiba mais aqui: http://bit.ly/2vZHsow Gostou? Deixe um like e siga nosso …
4
01:36
Marca japonesa Miniso chega ao Brasil
Opa, uma nova rede de lojas de 'presentinhos' e produtos diversificados chegou a São Paulo – e uma de suas …
5
01:54
Campanha dá disco de vinil a doadores de sangue e de agasalho
Conheça a campanha que o Casarão do Vinil e o Feirão 1 Milhão de LPs criaram para incentivar a doação …
6
01:38
Visitamos um outlet da Forever 21
O outlet da Forever 21 fica pertinho da cidade de São Paulo e oferece descontos imperdíveis para quem tá precisando …