Políticos e especialistas vão discutir os tabus da educação em evento on-line

Por: Redação | Comunicar erro

Os alunos das ocupações Brasil afora estão dando um show de cidadania e hoje se torna cada vez mais urgente debatermos e falarmos sobre os tabus da educação no país. É por isso que os coletivos Quebrando o Tabu, Mapa Educação e o Instituto Singularidades organizaram um evento em que os estudantes e o tema estarão no centro da discussão.

O debate tem como objetivo trazer a discussão da educação de volta às manchetes, e principalmente, conscientizar o jovem de que ele tem o poder de transformar sua escola, seu bairro, seu país. A ideia é unir alunos, professores, políticos e formadores de opinião em um debate sobre a educação no Brasil e a Base Nacional Curricular Comum.

Entre os confirmados estão: Jout Jout (youtuber), como moderadora, Paola Carosella (MasterChef e ativista alimentar), Michael Sandel (filósofo e professor de ética de Harvard), Fernando Haddad (ex-ministro da Educação e prefeito de SP), Wilson Levy (subsecretário de Educação do Estado de SP), Alice Ribeiro (secretária executiva do Movimento pela Base), Maria do Pilar (ex-secretária e especialista em educação) e Rosane Borges (professora da UNICAMP).

O debate vai rolar em São Paulo, no dia 13 de maio, a partir das 17h, em uma escola da rede pública de ensino. O evento será transmitido ao vivo e on-line para todo o Brasil. Acesse o canal do Quebrando o Tabu no dia e horário indicados.

Tópicos que serão discutidos:

Debate político nas escolas
Debate de gênero nas escolas
Habilidades do século XXI nas escolas / modos alternativos de ensino
Ocupações
Base Nacional Curricular Comum (BNC)

Compartilhe: