Alerta geral na Netflix: ‘TW com Killer Mike’ quer derrubar o Sistema

Série com um dos principais rappers da atualidade desafia a sociedade com propostas polêmicas e, por vezes, cômicas.

Por: Jacqueline Cordeiro

“TW com Killer Mike” é uma série documental tipo reality que está em sua primeira temporada na Netflix com 6 episódios de cerca de 25 minutos cada um. Nela, o rapper se propõe a abalar as estruturas dos sistemas social, político, econômico e educacional, colocando em ação planos nada convencionais que expõem as bases do racismo e da imposição de padrões.

Crédito: Reprodução/Netflix 

Killer Mike, além de rapper, é ativista social e político e conferencista conhecido por debater temas como desigualdade social, violência policial e racismo. É um personagem muito carismático, direto e inteligente.

Crédito: Screenshot: The Late Show  

No primeiro episódio, já para sentir o tom da série: o rapper fazer um divertido auto-desafio de três dias, “Living Black” traduzido por “Mercado Negro”, em que ele gasta seu dinheiro apenas com produtos e serviços que são criados e geridos por negros.

Crédito: Reprodução/Netflix 

Aí o que vemos é uma sucessão de problemas, pois carros não são feitos por negros, nem redes de fast-food, smartphones, hotéis ou companhias de avião. Ele passa fome, dorme em banco de praça e nem um baseado pode fumar, porque provavelmente o que se acha ali na cidade onde se encontra, foi plantado por brancos. Através dessa “brincadeira” vai-se revelando como a economia em geral é afetada pelo “privilégio branco” e como hoje em dia é difícil manter o dinheiro circulando dentro de uma economia negra promovendo assim seu fortalecimento.

Nos outros episódios Killer Mike segue desafiando o sistema educacional, investigando o empreendedorismo das gangues e questionando a figura do “Jesus Branco”.

Crédito: Reprodução/Medium.com 

O bacana é que ele nos convida a um grande exercício de pensar totalmente fora do padrão, fora do esperado. O famoso “pensar fora da caixa”. Em outro episódio fica claro o chamado para as pessoas saírem de suas bolhas ideológicas e de religião, onde se aprisionam e ressalta o poder da música, seu ofício, em unir as pessoas.

Crédito: Reprodução/Netflix 

No fim das contas, a série “TW com Killer Mike” é um programa que faz rir e também mostra que há muitas maneiras de se ver e pensar a realidade para que haja mais justiça e menos racismo.

Por: Jacqueline Cordeiro

1
Democracia em Vertigem é indicado ao Oscar; confira outros finalistas
Finalmente foi divulgada a lista dos finalistas ao Oscar 2020 e uma das grandes surpresas para nós brasileiros foi a …
2
Davi (ex-Banda Uó) indica seus lugares favoritos em SP
Qual a relação entre uma batalha de vogue e o bairro oriental da Liberdade? Na cidade de São Paulo vivida …
3
Cenas de machismo que não queremos ver novamente no próximo BBB
Entramos na contagem regressiva para a estreia da 20ª edição do Big Brother Brasil (BBB), prevista para ir ao ar …
4
Adoniran Barbosa ganha documentário sobre sua vida e obra
Finalmente Adoniran Barbosa ganhará uma homenagem à altura de seu talento. O documentário "Adoniran - Meu Nome É João Rubinato" …
5
Netflix: ‘O Monstro ao Lado’ mostra os caminhos tortuosos da justiça
O documentário "O Monstro ao Lado" retrata o dramático processo de julgamento de John Demjanjuk, um pacato cidadão ucraniano que …
6
‘O Irlandês’, de Scorsese, na sua sala
"O Irlandês", filme do diretor Martin Scorsese é lançado na plataforma de streaming Netflix. Com um elenco de tirar o fôlego …
7
‘Inacreditável’: a série da Netflix que veio para surpreender
A série original da Netflix "Inacreditável" é baseada em um caso real e promete te fazer maratonar os 8 episódios …
8
03:50
‘Peaky Blinders’: sangue, navalhas e política na Netflix
A 5ª temporada da série "Peaky Blinders" vem recheada de situações inesperadas e roteiro sempre surpreendente narrando a saga da …