CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Angélica cospe suco ao vivo no ‘Encontro’ ao cair em pegadinha

"O homem não pode demonstrar fraqueza, vocês fizeram isso, ficaram fortes. E eu já fui o contrário”, disse Angélica

Por: Redação

A apresentadora Angélica cuspiu suco de limão, ao vivo, no ‘Encontro’ ao cair em pegadinha de Fátima Bernardes, nesta quinta-feira, 7.

A produção do ‘Encontro’ entregou aos convidados um suco de limão com sal, sem que eles soubessem, para eles experimentarem ao vivo.

angélica suco encontro pegadinha
Crédito: Reprodução/TVGloboAngélica cospe suco ao vivo no ‘Encontro’ ao cair em pagadinha

Angélica não aguentou e cuspiu. “Eu não tinha como tomar. Estava salgado”, afirmou a comunicadora.

Os outros participantes, homens, beberam o suco e disfarçaram o desagradável sabor que deve ter suco de limão com sal. Foi então, que Fátima explicou que tudo se tratava de uma pegadinha para chamar uma reportagem.

No palco, Angélica explicou o motivo em que acredita para que sua reação fosse diferente da dos homens “O homem não pode demonstrar fraqueza, vocês fizeram isso, ficaram fortes. E eu já fui o contrário”, disse.

O ‘Encontro’ exibiu uma notícia de um estudo que revela o comportamento de homens e mulheres. Segundo a pesquisa, o sexo masculino costuma ter uma reação mais firme, enquanto as mulheres acabam sendo mais sentimentais.

Vamos desconstruir a imagem de que ser homem é não demonstrar sentimentos?

Sabe aquela imagem de homem fechadão, que não demonstra tão facilmente carinho e sensibilidade? Pois bem, ela está sendo desconstruída e pelas mãos das novas gerações, que não sentem sua masculinidade abalada ao dizer “eu te amo”, por exemplo.

O machismo é apontado como o principal responsável pela manutenção deste estereótipo que atravessa gerações e prejudica, desde a construção social dos garotos até os relacionamentos afetivos. Nesse panorama, quem exerce a sensibilidade e ousa se abrir, colabora com a quebra de tais paradigmas. Saiba mais, aqui.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.