Últimas notícias:
Loading...

Conheça a história real por trás de ‘2 Corações’, filme que chegou à Netflix

Filme de 2020 tem trama emocionante e está liderando o top 10 da Netflix

História real do filme “2 Corações”, que está na Netflix
Créditos: reprodução/Freestyle Releasing
História real do filme “2 Corações”, que está na Netflix

Liderando o top 10 dos mais assistidos da Netflix neste sábado, 27, o filme “2 Corações” estreou nos cinemas em 2020, mas só chegou ao streaming nesta semana.

Dirigido por Lance Hool e estrelado por Jacob Elordi, Tiera Skovbye, Adan Canto e Radha Mitchell, o longa de drama e romance conquistou os assinantes da plataforma.

Logo na sinopse de “2 Corações”, a Netflix deixa claro que a trama é baseada em fatos reais, então conheça a seguir a história que inspirou o filme.

História real por trás de “2 Corações”

O filme é inspirado no livro “All My Tomorrows: A Story of Tragedy, Transplant, and Hope” – “Todos os Meus Amanhãs: Uma História de Tragédia, Transplante e Esperança”, em tradução livre -, publicado em 2017.

Chris Gregory, de 19 anos, levava uma vida comum. Ele gostava de praticar esportes, estudava na Loyola University, em Nova Orleans, e estava apaixonado por Jenn, que no filme está retratada como Sam Peters.

Jacob Elordi dá vida ao Chris
Créditos: reprodução/Freestyle Releasing
Jacob Elordi dá vida ao Chris

Assim como no longa, Chris morreu tragicamente após sofrer um aneurisma cerebral. E, depois de sua morte, ele teve seus órgãos removidos e doados para cinco pessoas diferentes.

Entre as pessoas que receberam a doação está Jorge Bacardi, que é o segundo protagonista do filme.

Sobre a vida de Jorge Bacardi

Muitos anos antes do transplante, Jorge ocupava a vice-presidência da empresa de bebidas alcoólicas de sua família, vivia um romance com a comissária de bordo Leslie e enfrentava uma doença pulmonar, diagnosticada erroneamente como fibrose cística.

Quando adolescente, ele e seus pais ouviam as previsões dos médicos de que o jovem nem chegaria aos 20 anos de idade.

O filme, então, acompanha Jorge próximo dos 40 anos, quando já está casado com Leslie e recebe um novo diagnóstico, que desta vez está correto e mostra que ele tem discinesia ciliar primária, uma desordem pulmonar grave e rara.

Os atores Adan Canto e Radha Mitchell interpretam Jorge e Leslie
Créditos: reprodução/Freestyle Releasing
Os atores Adan Canto e Radha Mitchell interpretam Jorge e Leslie

Até que em 2008, quando tinha 64 anos, Jorge recebeu os pulmões de Chris e conseguiu se salvar. É exatamente assim que as duas tramas retratadas em “2 Corações” se conectam.

Na vida real, antes de conhecer seu doador por nome, Barcardi realmente escreveu uma carta de gratidão à família dele, na qual se referiu a Chris como “Gabriel”, seu anjo salvador.

Mais tarde, em 2009, Bacardi descobriu a verdadeira identidade de Chris e teve um encontro emocionante com os pais, irmãos e outros parentes dele. O encontro ocorreu na casa da família Gregory, em Baltimore.

Para eternizar esta história, Eric Gregory, o pai do verdadeiro Chris, decidiu publicar o livro que inspirou o longa.

O que aconteceu com Jorge depois do transplante?

Depois do transplante de pulmões, em 2011, Jorge e sua esposa fundaram a Gabriel House of Care, uma organização sem fins lucrativos que oferece auxílio a pessoas na fila de espera por transplante de órgão.

O nome da instituição é em homenagem a Chris. Inclusive, a instalação independente segue funcionando até hoje em Jacksonville, na Flórida, recebendo pacientes de todo o mundo.

Além disso, Jorge e Leslie também colaboraram com a produção de “2 Corações”.

Mas, infelizmente, ele acabou morrendo antes da estreia do filme, em setembro de 2020, aos 76 anos.