CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Menino de 5 anos escreve bilhete em nome da professora e viraliza

Na cartinha, Gabriel Lucca diz que não haverá aula no dia seguinte porque "poderia ser feriado"

Por: Redação
criança escreve bilhete se passando por professora
Crédito: Arquivo Pessoal Bilhete de criança se passando por professora vira assunto nas redes sociais

Pleiteando a possibilidade de passar um dia inteirinho em casa e sem ir à escola, um menino de 5 anos viralizou nas redes sociais ao escrever um bilhete endereçado à sua mãe, fazendo-se passar pela professora, informando que não haveria aula no dia seguinte, pois “poderia ser feriado”.

A caligrafia infantil, os erros ortográficos e, claro, o conteúdo da maneira como foi entregue, levou a mãe de Gabriel Lucca, Geovana Santos, a duvidar da veracidade dos fatos.

Em clima de bom humor e para compartilhar a história para lá de engraçada, Geovana entrou em contato com “Tia Paulinha”, professora de Gabriel, que perguntou se poderia postar o bilhete em seu perfil nas redes sociais.

criança escreve bilhete se passando por professora
Crédito: Arquivo Pessoal Mãe confirmou veracidade do bilhete com a professora da criança

“A Geovana me mandou mensagem e eu só conseguia rir. O Gabriel é uma figura! Resolvi postar no Facebook e, em apenas um dia, já tinha muitos comentários e publicações”, contou a professora, cujo nome é Paula Renata Robardelli, que leciona em uma escola de Bocaina, em São Paulo.

De acordo com informações do portal G1, a professora afirmou que a criança gosta de escrever bilhetinhos e que ele é um exemplo em sala de aula. Ainda, Tia Paulinha disse acreditar que o bilhete deve ter sido apenas uma brincadeira com a mãe.

criança escreve bilhete se passando por professora
Crédito: Arquivo Pessoal Gabriel, autor do bilhete fazendo-se passar pela professora, é tido como um aluno exemplar

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.