O motivo do choro da Palmirinha na TV vai desmantelar seu coração

A culinarista mais fofa do Brasil marcou presença no programa "Mulheres", da TV Gazeta, e relembrou histórias de seu primeiro namorado

Por: Redação
palmirinha chorou
Crédito: Reprodução/TV GazetaAo vivo na TV Gazeta, Palmirinha chora ao relembrar seu primeiro namorado

Na tarde desta segunda-feira, 4, o programa “Mulheres”, da TV Gazeta, recebeu uma antiga conhecida: Palmirinha Onofre, de 87 anos. A culinarista mais fofa da televisão, que inclusive trabalhou por 13 anos nessa mesma emissora e teve uma saída conturbada, fez nossos corações se desmantelarem em determinado momento da atração.

A apresentadora Regina Volpato, acompanhada de seus assistentes, conversavam com Palmirinha sobre sua vida. A cozinheira relembrou um ex-namorado, Oswaldo, e disse que ele chegou a comparecer a seu casamento.

“Quando fui casar, ele estava lá no fundo da igreja. Eu entrei no altar com o meu irmão, porque meu pai já tinha morrido, e ele estava bem lá atrás, igual em novela. Ele estava de braços cruzados e eu vi a lágrima…”, contou Palmirinha.

“Fui muito feliz no meu casamento, porque o meu marido me deu três filhas maravilhosas, que são a minha vida, minha luta toda. Mas eu me lembro até hoje. Ai, desculpa”, e nesse momento, a cozinheira começa a chorar.

palmirinha choro
Crédito: Reprodução/TV GazetaPalmirinha chora ao dizer que ex-namorado compareceu a seu casamento

“Eu achei que ele ia parar o casamento, mas estava de braços cruzados e só fez assim [fechando os olhos]. Depois, nunca mais o vi. Quando minha mãe morreu, fui até Bauru para o enterro e também o vi. Eu estava dentro do carro da minha sobrinha e ele estava em uma sapataria. Quando dei a volta na rua, ele já não estava mais lá”, contou.

Palmirinha sofreu violência doméstica

Em outras entrevistas, Palmirinha já afirmou que chegou a apanhar do marido durante o casamento, e que ele a abandonou com três filhas para criar, o que torna seu relato no programa “Mulheres” ainda mais emocionante.

Assista ao vídeo (a partir de 25:00)

Compartilhe: