Inspirado nos contos populares “Gaspar eu caio” (versão do escritor Ricardo Azevedo) e “O sétimo dono da casa (conto norueguês coletado por Peter C. Asbjørnsen) e em suas versões orais – “Bichão” (contada pelo sr. Geraldo Tartaruga, morador de São Luis do Paraitinga) e “Os velhos” (contada por Dan Yashinski, pesquisador canadense da arte de contar histórias) – o espetáculo fala do medo, como explicam as próprias Meninas do Conto: “o maior medo de todos é o de enfrentar a vida, encontrar seu caminho. Este é o grande medo da história. Daí vêm os secundários; medo do desconhecido, do que se imagina, das sombras, do escuro, de barulhos estranhos, vozes, etc.”.

BUUU!! A Casa do Bichão