Fotografias de Fernando Piola. Com curadoria do próprio fotógrafo, a mostra apresenta uma série de cinco fotografias entre dípticos e trípticos, todas coloridas, e também um objeto.
As imagens de Praça Vermelha mostram o projeto de um monumento à resistência contra a ditadura. Ele consiste na implantação de um projeto paisagístico na praça localizada em frente ao antigo prédio do Departamento de Ordem Política e Social, atual Estação Pinacoteca, revitalizando a área e resgatando a história do Largo General Osório. No local, seriam plantadas exclusivamente plantas de folhagens vermelhas. Historicamente vinculada a movimentos libertários e de esquerda, a cor era considerada transgressora pelo regime militar, o vermelho torna-se aqui símbolo da resistência e da democracia que se contrapõe ao emblemático prédio do DOPS. As fotografias apresentadas na exposição exploram a relação entre as folhagens com os edifícios que circundam a praça.

Projeto Praça Vermelha/Operação Tutóia