Cia. Arthur-Arnaldo. Dir.: Tuna Serzedello. Texto: Mark Ravenhill. Tradução: Soledad Yunge. Com Fábio Lucindo, Júlia Novaes, Jussane Pavan e outros. 60 min. 14 anos.
Escrita em 2005 para o National Theatre de Londres, a peça alcançou um grande sucesso ao abordar um tema polêmico: a descoberta da sexualidade na adolescência. No texto, um homem sonha que está sendo beijado e não sabe se por um homem ou uma mulher.

Cidadania