A atriz Emma Watson, conhecida em todo o mundo por seu envolvimento no feminismo, decidiu criar um clube do livro online para fazer leituras conjuntas de obras relacionadas ao tema. Para escolher o nome do local, a inglesa recorreu à internet e pediu sugestões aos fãs.

"Olá time! Quero começar um clube de leitura feminista mas até agora só consegui pensar em Clube de Leitura Feminista e Clube de Leitura Emma Watson. Tenho certeza que existe um nome mais inspirador por aí. Alguém tem ideias?", escreveu a atriz.

Os seguidores deram muitas sugestões, inclusive as mais inusitadas, como "Clube da Hermione", "Exército de Dumbledore", "Odiadoras de Homens & Literatas" e trocadilhos com o nome de Emma, como "Emmancipation" ("emancipação") e "Watson Your Bookshelf" ("o que está na sua prateleira de livros").

Créditos: Reprodução/Instagram

Emma Watson é conhecida por seu envolvimento no feminismo

O nome escolhido foi "Our Shared Shelf" ("Nossa Estante Compartilhada", em tradução livre). "Absolutamente amei esse. Obrigada a todos que vieram com sugestões e ideias. Foi muito legal da parte de vocês. Mais informações em breve", comentou.

Após decidir o nome, a atriz criou um grupo de discussões na rede social de leitura Goodreads. A cada mês, ela vai escolher um livro para o clube e na última semana abrirá um tópico para debate sobre ele. A primeira leitura será "My Life on the Road" ("Minha Vida na Estada"), da jornalista e ativista Gloria Steinem.

O grupo também está aberto para outros tópicos de conversa. Alguns já foram criados, como sobre a definição de feminismo e apresentações gerais dos participantes. Para participar, é preciso fazer uma conta no Goodreads.

Emma Watson, de 25 anos, é formada em literatura. Em 2014, foi eleita Embaixadora da Boa Vontade da ONU Mulheres e lançou a campanha "HeForShe" para encorajar os homens a se unirem às mulheres na luta pela igualdade de gêneros. A iniciativa consolidou a atriz como uma das grandes vozes do feminismo no mundo.