Está planejando viajar nos próximos meses? Uma dica para quem quer economizar com passagens aéreas é optar por voos com conexão.

Um levantamento feito pelo buscador Skyscanner mostra que voos com conexão geralmente são mais baratos em 60% dos casos.

Créditos: Sezeryadigar/iStock

Já para rotas mais curtas, os voos diretos tendem a ser mais baratos do que os voos com conexões

Esse é o exemplo de voos para a Cidade do México, quando é possível economizar em média 25% na passagem aérea ao parar em um local intermediário. A pesquisa revela, ainda, que viajar com uma parada para Lisboa, rende uma economia média de 16%; para Amsterdã de 15%; Orlando e Miami (MIA) gira em torno de 12%; e para Paris o viajante chega a economizar 11%.

Já para rotas mais curtas, os voos diretos tendem a ser mais baratos do que os voos com conexões, como é o caso de Buenos Aires, cujo voo direto chega a ser 12% mais barato que o voo com escala, e Santiago, que é em média 6% mais em conta. O mesmo pode ser observado para rotas diretas que são operadas por diversas companhias aéreas, como é o caso de Madri, que chega a ser 12% mais barato sem a parada.

O levantamento considerou as rotas internacionais mais populares entre os viajantes brasileiros e comparou os voos diretos e com uma parada mais comprados entre os dias 1º de janeiro de 2016 e 30 de junho de 2017.

Comprar passagens aéreas de madrugada é mais barato? Veja dicas