Texto escrito pela Sex Coach Julia Sanches, colunista do Superela.

Ainda que esta seja a primeira vez em que você esteja ouvindo falar sobre BDSM, ou se simplesmente teve um breve contato e não sabe ao certo o que significa, eu te digo: leia até o fim. O BDSM é prazer. Ele sempre deve ser prazeroso para ambos os parceiros, caso contrário a relação está desequilibrada e equivocada. É um acrônimo para a expressão “Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo” um grupo de padrões de comportamento sexual humano. Ele tem o intuito de trazer prazer sexual através da troca erótica de poder.

Contudo, hoje não estou aqui para ensinar sobre o BDSM, e sim para lhe dar dicas muito importantes que vão contribuir significativamente para apimentar sua relação, como também causar uma mudança de postura, se efetivando numa forma de empoderamento sexual. Afinal, nós merecemos também um dia de rainha onde nossos desejos e fantasias devem ser realizados.

O primeiro passo para dar esta guinada de postura é entender que o poder está dentro de nós, sempre. Não será uma roupa, uma maquiagem. Tudo isso nos ajuda a sentir bem conosco, mais seguras, porém o poder deve estar dentro de você. Temos de acreditar em nosso potencial, acreditar na nossa beleza e o que temos de melhor. Não importa o quanto a gente deseje mudar certas coisas em nossa imagem, somos todas especiais, somos todas únicas.

Vou te dar um exercício infalível, faça e sentirá esse poder dentro de você:

Vá até um espelho em que você possa se ver inteira, tire a roupa e chore, chore todas as suas dores de uma vez. Chore de verdade, relembre cada marca amarga, e chore. Quando terminar, diga pra você mesma em voz alta o que sempre sonhou em ouvir de alguém. Diga com convicção, ouça o que esta dizendo. Seja o alguém que você espera que o outro seja. Seja sincera, seja honesta com você. Aceite suas particularidades, saia do espelho fortalecida, sabendo o seu real valor. E então estará pronta.

Agora vamos as dicas:

1. Roupa

Para quem já pesquisou e viu filmes, fotos, com tema BDSM, já percebeu que a roupa em si evoca poder. Você não precisa se cobrir de vinil, mas pode sim ser criativa e vestir algo fora do habitual. Abuse do salto alto, cabelos soltos, uma bela maquiagem, use meias 7/8, uma lingerie especial ou um espartilho. Vista algo que te faça sentir bem, porém algo que surpreenda seu parceiro. Uma mulher dominante no jogo do prazer já entra com uma postura diferente e a roupa faz toda a diferença.

Porém use uma roupa que reflita seu espírito, nada de vestir algo que sentirá vergonha, ou lhe deixará desconfortável.  Não gosta de preto, use vermelho, branco, rosa, uma estampa bacana. O mercado de lingerie evoluiu muito, e existem peças belíssimas de vários formatos, em várias propostas. Lembre-se, o show será seu, se dê de presente aquilo que sua fantasia mandar. Se permita!

2. Acessórios

Nesta parte aqui vale tudo, claro, esteja sempre atenta também ao que seu parceiro gosta. Não vale também ignorar a fantasia dele, é um momento para os dois. Você pode comprar algemas, braçadeiras, vibradores, chicotes. A escolha é sua, porém vale lembrar que compre aquilo que conhece o uso, não adianta ter um acessório que você não sabe como inserir na relação de vocês.

Continue lendo aqui: 5 práticas do BDSM para apimentar a relação

Imagem Autor

O Superela é uma plataforma comprometida em aumentar a autoestima das mulheres. Nós empoderamos elas através de conteúdo sobre amor, sexo, vida beleza e estilo, e uma comunidade de suporte emocional para elas, altamente engajada e do bem. <3

+ posts do autor

Rede Catraca Livre

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.