Alma Santiago, de Oaxaca, México, afirma ter saído com tempo de casa no dia do seu casamento, no último sábado, 2, conforme matéria da Univision. A cerimônia estava marcada para as 11 horas, mas ela não contava que as ruas estivessem bloqueadas com o trânsito travado e que seu dia seria salvo pela gentileza de um desconhecido.

“Meu marido já estava na catedral e eu estava há cinco quarteirões, com muita dificuldade conseguimos andar duas quadras em vinte minutos, depois foram mais vinte minutos sem avançar nada”, relata Alma.

Foi aí que o primo da noiva deu a ideia de que ela fizesse o restante do trajeto em uma moto, já que esse era o único veículo que conseguia se mover em meio ao caos.

“Pedimos a três (motoboys), mas não podiam por ser de empresas privadas. Eu estava triste e desesperada. Até que chegou um filho de Deus e disse que tudo bem. Subi na moto, passando entre os carros, nem me importava se o vestido ia manchar”, afirma a noiva.

Mas a dificuldade não acabou por aí, quando a moto se aproximava do palácio do governo a polícia não queria deixá-los passar, dessa vez a ajuda veio dos transeuntes, que diziam “Deixem ela passar, por favor, é por amor, ela vai casar”.

“Ele (o motoqueiro) me deixou na escadaria da catedral. Saudações ao rapaz, gostaríamos de saber quem é, para agradecer, pois em ele não seria possível. Tentamos localizá-lo o dia inteiro, tomara que ele veja este vídeo e possamos estar em contato”,  conta emocionada na gravação que tem  4 mil compartilhamentos e 309 mil visualizações até hoje, 7.

“Muito obrigada, pois se não fosse você eu não teria casado. Meu esposo também está muito agradecido. Pessoas como ele são poucas, tomara que existam mais pessoas como ele que queiram ajudar ao próximo ”,  completa Alma.

Confira o vídeo (em espanhol):

Se este casal foi beneficiado pela gentileza de alguém, outros aproveitaram suas celebrações para ajudar o próximo:

Empresário desiste de casamento para doar 90 casas na Índia

Casal pede brinquedos para doar como presente de casamento