Assim como nos humanos, o excesso de exposição aos raios ultravioletas pode fazer mal aos animais domésticos. Diferente de nós, após se exporem ao sol, eles não vão adquirir um bronzeado que os deixará com uma aparência mais saudável. “Isso de ficar muito tempo no sol, pegar uma corzinha, descascar e depois voltar à cor normal, não acontece com eles”, explicou ao portal UOL Luiz Eduardo Bagini Lucarts, veterinário e presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia Veterinária.

Divulgação

Créditos: Divulgação

Evite expor seus animais em horários de intensa infiltração solar

O excesso de exposição solar pode deixar a pele dos animais avermelhada e levar ao aparecimento de manchas escuras. Os de pelagem clara e/ou com áreas rosadas (pálpebras, lábios, abdome e nariz) tem mais chance de desenvolver esse tipo de problema.

Confira o final dessa história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Imagem Autor

O maior portal de notícias sobre animais do Mundo.

+ posts do autor

Rede Catraca Livre

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.