Créditos: reprodução/TV Câmara

Wladimir Costa (SD-PA) teve mandato cassado

O deputado federal Wladimir Costa (SD-PA) ganhou fama em 2017 graças a uma série de acontecimentos polêmicos envolvendo falsas tatuagens em homenagem ao presidente Michel Temer e acusações de assédio sexual.

Nesta terça-feira, 19, o parlamentar voltou à mídia graças a uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA). Por unanimidade, o órgão condenou Wladimir Costa por abuso de poder econômico e gastos ilícitos na campanha eleitoral de 2014. As informações são do "G1".

Com a decisão, o parlamentar perde o mandato de deputado federal e ainda fica inelegível por oito anos.

Essa não é a primeira vez que Wladimir Costa é condenado pelo TRE-PA a perder o mandado. Em 2016, ele foi condenado por causa da arrecadação e gastos ilícitos na campanha eleitoral do deputado. Ele recorreu da decisão.

ondemand_video Vídeos do Catraca

Confira algumas notícias sobre o deputado Wladimir Costa:

Wladimir Costa vai ser denunciado por foto de menor seminua

Deputado Wladimir Costa é flagrado pedindo 'nude' durante votação

Acusado de assédio, Wladimir Costa compartilha meme homofóbico