Nos dois anos anteriores, o prêmio chamava-se Cidadão Sustentável. Com a ampliação do seu foco, abrangendo novas categorias, mudou agora para Cidadão São Paulo, com apoio da USP Cidades e Agência Tudo. Confira os indicados na categoria Tecnologia.

 


1. Claudio Sassaki

Claudio Sassaki é a representação daquela máxima: “nunca desista dos seus sonhos”. Após alcançar destaque no mercado financeiro – ocupou cargos de direção na Credit Suisse, no Goldman Sachs e na Petra Energia –, ele sentiu que era a hora de largar tudo para transformar um antigo sonho em realidade. Foi assim que se tornou sócio-fundador da Geekie Games, startup que usa tecnologia para impulsionar o aprendizado. Em um campo ainda bastante conservador, a metodologia inovadora ajuda estudantes a desenvolverem individualmente seu potencial ao máximo, a partir de suas próprias características e habilidades. A plataforma, que pode ser acessada gratuitamente, também ajuda durante a preparação para exames de ensino específicos, além de ser pensado para professores acompanharem a evolução de seus alunos. Claudio Sassaki é formado em Arquitetura e Urbanismo na Universidade de São Paulo, e concluiu mestrado em educação em Stanford, nos Estados Unidos.

2. Guilherme Santa Rosa

Formado em Engenharia da Computação, pela Escola Politécnica da USP, Guilherme Santa Rosa é um dos criadores da “Fábrica de Aplicativos”, uma plataforma online gratuita que permite a qualquer pessoa criar e compartilhar apps para celulares, sem a necessidade de saber programação. Lançado em outubro de 2011, o projeto já ajudou usuários de 120 países a criar mais de 170 mil aplicativos.
Santa Rosa também é sócio-fundador da empresa Mowa, que atua na área de desenvolvimento de softwares para smartphones há 12 anos.

3. Gustavo Faleiros

Com mestrado em Política Ambiental, pela universidade King’s College London, na Inglaterra, o jornalista Gustavo Faleiros é o criador do InfoAmazonia, um mapa digital que usa informações de satélite e outros dados disponíveis para monitorar a floresta tropical.
Faleiros também é gerente de “Jornalismo da Terra” (Earth Journalism) na rede Internews, uma organização internacional sem fins lucrativos, que tem a missão de fomentar a mídia nos países em desenvolvimento.

4. Mauricio Vargas

Mauricio Vargas teve uma má experiência com um serviço. A partir daí, o empresário decidiu criar um portal para que cada consumidor pudesse relatar sua indignação diante de uma empresa. O Reclame Aqui foi criado em 2000 e hoje é mais do que um site para reclamar. O portal funciona como base para que outros consumidores possam avaliar qual produto ou serviço querem adquirir de acordo com a reputação. O site oferece ainda o RA Day, evento quinzenal para capacitar profissionais que usam o site e orientar sobre técnicas de atendimento.

5. Helio Mattar

É diretor-presidente do Instituto Akatu pelo consumo consciente, do qual é idealizador e co-fundador. Executivo durante 22 anos em empresas nacionais e multinacionais, bem como em suas próprias empresas, é também co-fundador e membro do conselho do Instituto Ethos de empresas e responsabilidade social.

Imagem Autor

Jornalista, amante da comunicação.

+ posts do autor