“É o meu Brasil brasileiro. Terra do samba e do pandeiro”, assim Ary Barroso definiu um país inteiro e não precisou delimitar territórios ou segregar estados tupiniquins. Mineiro de nascimento, viveu e fez carreira no Rio de Janeiro, endereço que podemos chamar, seguramente, de berço do samba.

Diretamente da terra da garoa, com direito a sotaque paulista, o Catraca Livre apresenta a praia, o calçadão, o Maracanã e um punhado de trejeitos musicais do nosso vizinho tropical, através da “Carioquice”, uma revista cultural editada trimestralmente pelo Instituto Cultural Cravo Albin, que você confere neste link.

Com tiragem de 5000 exemplares e distribuição gratuita, a revista é destinada, através de mala direta, para instituições culturais e de ensino, especialistas, pesquisadores, jornalistas e formadores de opinião.

Aproveite para tomar uma água de coco enquanto folheia, virtualmente, todas as edições da “Carioquice”, que tem como protagonistas o sol, o mar, a Elza Soares, o Ivan Lins, a Mangueira e tudo aquilo de maravilhoso que compõe a cultura do Rio de Janeiro.

Confira "Aquarela do Brasil" de Ary Barroso

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=HkQyK-OxUWw[/youtube]