Gangue faz pitbull arrancar pênis de homem acusado de estupro

O México tem 12,6 casos de estupro por 100 mil habitantes, uma das mais altas do mundo.

Por: Redação

Uma gangue “prendeu” um homem acusado de estupro e fez um pitbull arrancar seu pênis. O caso ocorreu há cerca de um mês na Cidade do México (México).

O jornal britânico Daily Mail, que teve acesso ao vídeo, mas, por serem imagens muito fortes, optou por não publicá-lo. Apenas publicou imagens borradas.

Crédito: Reprodução Vídeo mostra pitbull arrancado pênis de um homem suspeito de estupro no México

Segundo o jornal, nas imagens é possível ver um homem sendo torturado e um cachorro da raça pit bull atacando os órgãos genitais do rapaz que agoniza no chão.

Não há informações sobre o estado de saúde do homem. As imagens foram gravadas por um dos homens do grupo responsável pelo ataque.

De acordo com a polícia, a motivação do ataque ainda não foi descoberta, mas especula-se que se trate de represália por abuso sexual ou que o homem seja membro de uma gangue rival.

O México tem 12,6 casos de estupro por 100 mil habitantes, uma das mais altas do mundo. Estima-se que o número real seja muito maior, pois muitos casos não são relatados.

O país também tem a maior taxa de homicídios do mundo, com 17.000 mortos no primeiro semestre deste ano -os níveis mais altos de sua história.

Compartilhe: