Fazenda de energia se transforma em apiário solar

Informar

Reebok cria tênis de algodão e milho

Sola é feita com material desenvolvido a partir de plantas, em vez de usar borracha feita à base de petróleo

Por: Redação

A empresa de calçados Reebok deu, recentemente, um passo interessante para deixar seus produtos com uma pegada melhor em termos de matéria-prima. A companhia lançou um tênis de algodão e milho.

O Cotton + Corn é todo feito de “coisas que crescem”: o tecido da parte de cima é de algodão, e a sola, que antes era feita com borracha derivada de petróleo, é de bioplástico à base de milho. As palmilhas são feitas com um produto derivado do óleo de mamona.

A parte de cima é de algodão, a sola é à base de milho, e a palmilha, feita com óleo de mamona
Crédito: DivulgaçãoA parte de cima é de algodão, a sola é à base de milho, e a palmilha, feita com óleo de mamona

Os materiais usados no tênis não são tingidos, portanto os calçados têm uma coloração neutra, que lembra algo natural. A embalagem onde o produto é acondicionado, para a entrega, também é feita com material reciclado.

O tênis de algodão e milho foi criado a partir de um modelo clássico da empresa
Crédito: DivulgaçãoO tênis de algodão e milho foi criado a partir de um modelo clássico da empresa

A empresa afirma que o desenvolvimento desse produto foi iniciado em 2017, pela área chamada de Reebok Future. Para contribuir com a redução do impacto da indústria da moda sobre o meio ambiente – só de sapatos, são 20 bilhões de pares produzidos anualmente no planeta -, foram procuradas alternativas para a sola.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis

O tênis não leva tingimento artificial
Crédito: DivulgaçãoO tênis não leva tingimento artificial

Parra isso, foi feita uma parceria com a empresa norte-americana DuPont Tate & Lile Bio Products, que desenvolveu o material, feito à base de milho, que foi utilizado no solado desse calçado.

A empresa quer criar uma linha de produtos que sejam compostáveis
A empresa quer criar uma linha de produtos que sejam compostáveis

O novo produto, afirma a empresa, dá atenção a três momentos do ciclo de vida do produto: a produção, feita com “coisas” que crescem e podem ser repostas; performance e design que  agradem ao consumidor; e a fase do pós-consumo.

O tênis de algodão e milho, porém, ainda não é compostável. Mas a empresa diz que quer criar uma vasta seleção de calçados que possam ser destinados à compostagem quando o consumidor não quiser mais usá-los.

O modelo NPC Uk Cotton + Corn é baseado em um modelo de tênis clássico da empresa. Foi vendido a US$ 95 (cerca de R$ 395), exclusivamente pelo site da Reebok, mas encontra-se esgotado.

Leia também: Tênis vegano é feito de fungos e garrafas PET recicladas

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis.