Como gastar energia do seu gato ou cachorro em casa

Especialista em comportamento animal dá algumas dicas para você testar com seu pet

Por: Publi

Todo mundo sabe que passeios diários têm fundamental importância na saúde física e mental dos cães e não devem ser negligenciados. Mas para não deixar o tédio tomar conta em outros momentos, o tutor precisa se esforçar um pouquinho. Além do famoso “pega a bolinha”, outras brincadeiras e interações são muito válidas para mantê-los ativos e extravasar a energia.

De acordo com o adestrador Reginaldo Lopes, especialista em comportamento animal, os cães, muitas vezes, são criados sem o estímulo adequado, o que os deixa facilmente entediados. “A maioria fica sozinha enquanto trabalhamos e, quando chegamos em casa, entregamos a eles a comida sem que tenham feito nenhum esforço para isso. Então, um excesso de energia acaba se acumulando ao final do dia”, explica. “Eles precisam praticar atividades que mexam com seus corpos e mentes”, acrescenta.

filhote de cachorro no sofá rasgado
Crédito: Cunaplus_M.Faba/istockBrincadeiras diminuem o risco do comportamento destrutivo

Os gatinhos, que em sua maioria não passeiam, também precisam ser entretidos, principalmente se costumam ficar longos períodos sozinhos.

E de que maneira fazer isso?

Separamos algumas dicas para que você consiga distrair seu amigo e fazê-lo gastar energia. Confira abaixo:

1. Aposte no enriquecimento ambiental

Ambientes monótonos podem entediar o seu pet mais facilmente, por isso, a ideia aqui é criar um ambiente dinâmico e interativo que proporcione desafios físicos e mentais a ele.

Isso pode ser feito, por exemplo, com introdução de aparatos que deixem o ambiente semelhante ao habitat natural de cada espécie. Vegetação para ele rolar por cima e estruturas para ele escalar (no caso de gatos) são alguns exemplos.

Também vale deixar à disposição do animal brinquedos e jogos interativos dos mais variados tipos.

2. Monte uma pista com obstáculos

Mesmo que o espaço seja reduzido, dá para usar essa ideia.  Com bambolês, cones e elásticos esticados incentive o cão a pular esses obstáculos. Para isso, use um petisco como recompensa.

3. Brinque de esconde-esconde

De acordo com Lopes, essa é uma ótima atividade para o cérebro e o corpo do animalzinho, além de divertir o humano também. “Curiosamente, os cães começarão o jogo usando pistas visuais e de voz, mas depois voltarão aos seus instintos e usarão o faro para procurar”, explica o especialista. “Eles usam tanto o faro que passam pela pessoa escondida e depois se viram quando captam o perfume”, diz. E esta é exatamente a graça da atividade, pois dá a chance de eles usarem seus instintos.

4. Crie túneis e labirintos pela casa

Gatinhos adoram se esconder, então, para eles, será a maior festa. Cães também podem gostar da ideia se você conduzi-los pela estrutura utilizando um petisco.

gatinho brincando dentro da caixa de paplelão
Crédito: 400tmax/istockCaixa de papelão é uma distração e tanto para os gatos

5. Ofereça o alimento de maneira diferente

Em vez de oferecer a comida sempre em potinhos, crie dificuldades a seu pet. “Uma boa dica para dias quentes é congelar o alimento úmido ou a própria ração seca dentro de brinquedos e oferecer a ele”, sugere o adestrador. Dessa maneira, seu gato ou cachorro passará um bom tempo entretido tentando ter acesso à guloseima.

6. Promova caça aos petiscos

Pegue uma variedade de petiscos favoritos do seu cão ou gato e esconda pela casa – atrás de portas, debaixo de mesas, debaixo de tapetes etc. Seu pet estará tão ocupado rastreando as comidinhas que se cansará fisicamente no processo.

O jogo de embaralhar potes com petiscos dentro também pode funcionar. Veja no vídeo abaixo como fazer:

7. Use técnicas de adestramento

O adestramento também é outro tipo de exercício mental que ajuda na distração. Um truque fácil é ensiná-los a ir pegar algum objeto, como seus chinelos, por exemplo. Você pode fazê-los se sentirem ainda mais úteis ensinando a eles os nomes de alguns itens.

Usando esse conjunto de práticas ou pelo menos uma delas, seu animalzinho conseguirá aliviar o tédio e o estresse diário em pouco tempo.

Este conteúdo é apoiado pelo Carrefour, que – em parceria com a AMPARA Animal  e outras ONGs – está organizando uma série de ações em prol dos animais em todo o país. São mutirões de castração, eventos de adoções em suas lojas, além de treinamento, capacitação e sensibilização dos funcionários e prestadores de serviço da companhia.

Compartilhe: