Brasileira cria projeto de adoção tardia concorre a prêmio em Viena

Por: Redação |

Uma gaúcha de 18 anos está concorrendo a um prêmio internacional com o projeto que criou para promover a adoção tardia de jovens.

Marcella Bertoluci, fundadora do projeto Missão Diversão, está entre os 10 finalistas do prêmio Junior Achievement, em Viena, na Áustria. A informação é do site SóNotíciaBoa.

Crédito: Arquivo pessoalProjeto criado por Marcella promove encontro entre casais que pretendem adotar e crianças mais velhas

O projeto de adoção criado por Marcella promove encontros entre os pretendentes à adoção e crianças mais velhas para que eles se conheçam e interajam.

“Para a minha surpresa, estou entre os 10 jovens selecionados a participar de uma votação para marcar presença no Fórum de comemoração de 100 anos da ONG, em Viena”, disse a jovem ao SóNotíciaBoa.

A escolha do projeto vencedor é feita por votação online. Para ajudar Marcella a conquistar o prêmio e dar ainda mais visibilidade ao projeto, basta acessar a página do Woobox e clicar em ‘votar’ no canto superior direito.

Compartilhe: