Programa para crianças do RS emprega métodos de meditação

Por: Redação Comunicar erro

Nascido há dez anos em Gramado (RS), o Mente Viva é um sistema de educação infantil que emprega meditação e práticas cognitivas e emocionais. O programa, criado por um grupo de voluntários, ganhou uma campanha com o intuito de chegar a mais escolas.

Programa para crianças do RS emprega métodos de meditação

Embora possa ser adotado por qualquer pessoa, o sistema é voltado para os mais jovens –é estimado que mais de 42 mil crianças já tenham praticado em Gramado e Canela, também no Estado.

Realizados diariamente, esses exercícios prometem desenvolver neuroplasticidade, empatia, altruísmo, resiliência, amor próprio, autoestima e respeito. Duram de cinco a dez minutos e foram desenvolvidos por médicos, terapeutas e músicos.

O método age por meio da arte, com espetáculos, palestras e dinâmicas, e do Calendário Vivo, que estabelece os exercícios vivenciais para cada dia da semana e que pode ser aplicado por professores. Cada dia possui uma figura cujas características ou atributos são desenvolvidos no exercício. O calendário é especialmente usado por crianças do primeiro ao quinto ano do ensino fundamental.

Calendário Vivo

Um programa e um livro com 365 dias de prática, em português e inglês, foram disponibilizados gratuitamente no site do programa. A ideia é que sejam aplicados também às crianças atendidas por projetos sociais e, ainda, quando hospitalizadas.

Para isso, a campanha busca obter R$ 5.000 em doações. “Queremos aplicar esse programa no máximo de escolas possível, pois desejamos contribuir para a construção de uma sociedade mais inteligente e fraterna”, explicam os organizadores.

Quem contribuir, pode receber como recompensa um CD para meditação. Saiba mais sobre o Mente Viva no Facebook.

Compartilhe: