Twitter passa a permitir descrição de imagens e fica mais acessível

Por: Redação Comunicar erro

O Twitter está mais acessível a pessoas com deficiência visual. A partir desta semana, quem usa o aplicativo do microblog em Android ou iOS pode incluir descrições das imagens publicadas nos tuítes, fazendo com que o conteúdo chegue também aos usuários que não enxergam.

Reprodução de telas do Twitter com nova ferramenta acessível
Reprodução de telas do Twitter com nova ferramenta acessível

Essas descrições são lidas por leitores de tela ou telas em Braille instalados nos smartphones e nos computadores de quem tem deficiência visual, o que dribla a grande dificuldade dessas pessoas, já que a maioria do conteúdo publicado nas redes sociais contém imagens.

Além dos 140 caracteres, que é o limite de um tuíte, todas as imagens postadas poderão ser acompanhadas de um texto com até 420 caracteres.

Para que o recurso seja ativado, é preciso atualizar a versão do aplicativo para a 6.50. Depois, ir até configurações, acessibilidade e habilitar a função “descrição de imagens”. Quando for adicionar uma foto, haverá um botão sobre ela _ basta tocar para incluir o texto descritivo.

Com essa atualização, queremos garantir que todo o conteúdo compartilhado na plataforma alcance o maior público possível para que todos possam ser incluídos na conversa e aproveitar os momentos juntos”, afirmou Todd Kloots, membro da equipe de engenharia do Twitter no blog da empresa.

O professor e funcionário público Daniel Gause, 38 anos, tem deficiência visual e já testou o recurso. Ele lembra que, para que a ferramenta funcione, será preciso contar com a boa vontade dos demais usuários da rede.

“Se a pessoa não colocar a descrição, não adianta nada ter o recurso. Todos precisam passar por um processo de educação e conscientização para que tornar todas as imagens postadas acessíveis.”

Segundo o Twitter, em breve o site também contará com a ferramenta.

Por QSocial

Compartilhe: