CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

App identifica árvores a partir de contos narrados por cantores

Natu Contos é um aplicativo educacional de reconexão com a natureza das cidades, disponível gratuitamente em parques e praças.

Por: Redação

O aplicativo educacional Natu Contos promete ajudar jovens e adultos a identificar espécies nativas da Mata Atlântica, como embaúba, ipê-amarelo, jequitibá, pau-brasil e pau-ferro, de um jeito diferente: através da literatura.

Lançando em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica, o programa oferece uma verdadeira aventura literária em que adultos e crianças podem descobrir contos –escritos por autores da literatura infantojuvenil e narrados por grandes cantores brasileiros– nessas árvores da Mata Atlântica localizadas em parques e praças.

Crédito: DivulgaçãoAplicativo educacional ensina adultos e crianças a identificarem árvores a partir de contos literários narrados por cantores

Disponível gratuitamente na plataforma iOS , o aplicativo agora precisa da ajuda do público para seu desenvolvimento na versão Android. Para isso, foi aberto um financiamento coletivo no Catarse. A meta é alcançar R$ 16.522 – 35% da meta já foi alcançada.

Com doações a partir de R$ 15 quem participar do financiamento terá recompensas, como o plantio de mudas pela SOS Mata Atlântica, livro infantil, pôster com ilustração do artista Arthur Daraujo, entre outras.

“Nosso maior objetivo é democratizar o aplicativo, tornando o material educacional acessível para mais adultos, crianças e escolas. Quando o criamos, pensamos em disponibilizar um conteúdo lúdico e original sobre o universo da natureza para reconectar as pessoas com o meio ambiente, principalmente as crianças, que estão cada vez mais distantes do verde nas grandes cidades”, diz Fernanda Sarkis Coelho, idealizadora do aplicativo.

Com o Natu Contos, o público poderá realizar uma atividade ao ar livre, em qualquer época do ano, aproveitando o tempo brincando com a natureza para saber mais sobre ela. Na prática, o usuário realizará uma “caça ao tesouro” por árvores.

Depois de baixar o aplicativo e escolher o local de sua expedição, ele seguirá um mapa na tela do celular, integrado ao GPS, até a árvore identificada. Essa caminhada já é uma ótima oportunidade para prestar atenção à natureza local, relaxar e desfrutar dos benefícios que ela oferece.

Quando uma árvore é encontrada, um universo lúdico se abre: um vídeo animado a apresenta e, depois, um conto fica disponível para o adulto ler/ouvir com a criança embaixo da sua copa. Uma vez coletadas, as histórias e as fichas técnicas de cada árvore vão para uma biblioteca e podem ser relidas e ouvidas quantas vezes quiser, em qualquer lugar.

A plataforma Natu Contos traz árvores mapeadas em parques e praças das cidades de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Uberaba (MG). No futuro, seus desenvolvedores esperam expandir o projeto para mais cidades do Brasil. Clique aqui e veja como funciona.

Compartilhe: