Deficiente visual, filha de Roger sente gol do pai em alto relevo

Por: Redação

Mesmo sem enxergar desde que nasceu, há 11 anos, Giulia –ou Tatá, como é chamada pela família–, filha do atacante Roger, do Botafogo, sempre acompanhou por meio de sensações a carreira do pai e cada gol marcado.

Um deles –o do último dia 31 de maio–, porém, ficou gravado para sempre em sua memória de um jeito diferente. Giulia ganhou uma surpresa no mês de seu aniversário, registrada em reportagem do Globo Esporte.

Filha de Roger sente o gol do pai no quadro em relevo, ao lado do atacante e de Luis Roberto

Responsável pela narração do gol de Roger contra o Sport, pela Copa do Brasil, Luis Roberto, da TV Globo, visitou a casa do atacante. O jornalista levou um quadro em alto relevo com três momentos da jogada, para que ela pudesse sentir o feito do pai.

Roger foi explicando o lance, enquanto a filha acompanhava tudo com as mãos e se entusiasmava a cada detalhe narrado.

“Vocês conseguem entender o que fizeram? Gente, eu nunca tive essa noção…”, disse, emocionada, a menina. “Eu queria ter essa noção algum dia e vocês conseguiram trazer.”

Quadro 3D com o gol de Roger, do Botafogo

Leia a reportagem completa no Globo Esporte

Compartilhe: