Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova

Quem Inova

Instituto faz mapeamento de pau-brasil; saiba como se tornar guardião

Promovido por INOVA

Por: Redação

Árvore adulta de pau-brasil florida; projeto ensina a se tornar um guardião[/img]

Para participar, é preciso que o interessado identifique um pau-brasil, preencha um formulário on-line e acompanhe a evolução da árvore.

“Todos os registros geram um número de cadastro, que os participantes recebem com o certificado de mapeamento”, explica Juliana Gatti Pereira Rodrigues, 35 anos, designer para sustentabilidade com especialização em ecologia e botânica e fundadora do instituto.

O questionário é simples, afirma Juliana, com perguntas sobre a localização, o porte e a aparência da planta. “[A partir desses dados], teremos uma possibilidade real de avaliação de inúmeros aspectos sobre a árvore, oferecendo quase uma foto sobre ela, assim como possibilitam promover vínculo afetivo, conservação e valorização da espécie.”

Além de estar atento à saúde da árvore, o guardião também poderá coletar sementes, gerar mudas. É importante ter uma área adequada de plantio na terra com espaço suficiente para o desenvolvimento da árvore, que pode atingir entre 10 m e 15 m de altura com copa ampla.

A proposta chama a atenção, já que a espécie, natural da mata Atlântica, corre risco de extinção. Mas como você vai saber que se trata mesmo de um pau-brasil? Além de comparar com as imagens desta reportagem, é preciso observar os seguintes pontos:

  • galhos jovens e árvores novas possuem espinhos na casca;

  • a casca é acinzentada e descamante, deixando exposta a cor vermelha

  • as folhas são brilhantes e arredondadas

  • apesar de agora não ser época de floração, vale a dica: as flores são amarelas e delicadas

 

Se houver dúvida, basta tirar uma foto e enviar a imagens para o e-mail [email protected]

Por QSocial

Compartilhe: