Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova

Quem Inova

Jardim de chuva reduz enchentes e embeleza bairro em SP

Promovido por INOVA

Trabalhadores constroem jardim de chuva na Vila Jataí[/img]

Sete deles ganharam uma cama de galhos – restos de poda de árvores que iriam para o lixo. “Esse material se decompõe e ajuda a tornar o solo mais fértil e úmido”, destaca a médica Thais Mauad, 52 anos, uma das moradoras responsáveis pela mudança dos canteiros.

O oitavo jardim ganhou o sistema inovador: um reservatório com capacidade para 2.000 litros de água. O líquido entra por uma ponta da meia-lua coberta por brita e ocupa o espaço subterrâneo. No lado oposto, “há uma saída para a água voltar à superfície e voltar para a sarjeta, para não haver erosão”, sinaliza Zens. Sobre quase todo o terreno, há plantas.

A reforma foi custeada pela Subprefeitura de Pinheiros. Os poucos materiais que não estavam contemplados – bidim, uma espécie de manta, e elementos de drenagem – foram comprados com os recursos de um fundo de reserva mantido pelos moradores. Mauad conta que o projeto da Incriatório foi feito voluntariamente.

Neste mês, a vizinhança foi convidada a finalizar a obra, levando mudas, água e pás para fazer o paisagismo do local. Adultos e crianças colocaram a mão na terra em um sábado ensolarado  para contribuir com o jardim de chuva.

“O canteiro ajuda no processo de retenção de água, que vai infiltrar no subsolo para ajudar a abastecer o lençol freático”, ensina Zens. Ele elenca ainda outros benefícios do jardim, como a melhora da situação bioclimática do local, a colaboração para a redução de enchentes e a beleza da vegetação.

Mauad diz que os moradores têm mais planos para o bairro. Um deles é a criação de uma composteira, já que a região é bastante arborizada e, portanto, rica em material orgânico. A outra é a oferta de educação ambiental à vizinhança, para evitar, por exemplo, que as bases das árvores sejam cimentadas.

Por QSocial