Para defender crianças, projeto contra a guerra redefine palavras

Por: Redação

As palavras possuem diferentes significados para cada pessoa. Pensando nisso, a Save the Children –uma ONG que luta pelos direitos das crianças– recrutou a ajuda do site Dictionary.com para mostrar como as definições podem variar sob diferentes circunstâncias.

Em fevereiro deste ano, a palavra “SOS”, um nome definido como “qualquer pedido de ajuda”, deu o pontapé inicial para o projeto Palavra do Dia, visando à conscientização sobre os 357 milhões de crianças atualmente vivendo em zonas de conflito ao redor do mundo.

Organizações se unem para defender infância em projeto contra a guerra

A campanha tem como base um novo relatório da ONG que mostra, entre outros dados, que 15% das crianças no mundo são afetadas pela guerra.

Para ilustrar poderosamente a realidade angustiante, quatro palavras fundamentais na vida infantil foram redefinidas: família, casa, playground e escola. As definições oficiais foram trocadas pelo ponto de vista de crianças que vivem em zonas de guerra. Veja, abaixo, o resultado:

A organização espera que a redefinição dessas palavras abra os olhos das pessoas para a séria situação que está acontecendo em todo o mundo e os inspire a tomar medidas para proteger a infância.

Com informações do Mashable

Compartilhe: