Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova
Quem Inova

Quem Inova

Projeto forma professores para lidar com diferenças entre alunos

Por: Redação

Um programa de formação continuada para professores pretende ajudar a diferenciar o ensino conforme as preferências de aprendizagem dos alunos. Segundo seus criadores, o projeto Edipa pode beneficiar cerca de 4.000 alunos em seis escolas da rede estadual de São Paulo, levando em consideração as diferenças individuais.

Projeto quer formar professores para lidar com diferenças entre alunos

Embora a ideia seja inspirada na metodologia internacional MMTIC (Murphy and Meisgeier Type Indicator for Children), o plano é adaptá-la para a realidade brasileira, em especial às escolas públicas.

O intuito é buscar maneiras mais efetivas para engajar e motivar os alunos por meio de atividades, interações e avaliações direcionadas para as diferentes preferências de aprendizagem, reduzindo, assim, a indisciplina.

De acordo com os organizadores da campanha, existem teorias e pesquisas que indicam que pessoas possuem diferenças normais de personalidade que influenciam preferências e hábitos de aprendizagem.

Projeto quer formar professores para lidar com diferenças entre alunos

“Ao aplicar diferentes estratégias de ensino na sala de aula, o professor poderá aumentar o engajamento, facilitar a aprendizagem dos seus alunos e reduzir os desafios de lidar com os diferentes perfis em sala de aula”, diz o coordenador do Edipa, George Stein. “Essas estratégias podem ser utilizadas por qualquer professor, independentemente da disciplina que leciona, da infraestrutura tecnológica da escola ou do material didático.”

O projeto mantém uma página de colaboração até o próximo dia 30, onde os interessados podem fazer contribuições.

Os doadores podem receber como recompensa uma assessoria exclusiva baseada na teoria utilizada no programa, aplicada a uma criança indicada. As escolas particulares que desejarem contribuir também podem receber workshops.

Compartilhe:

Tags: #Educação