Últimas notícias:

Loading...

Lixo de caçambas da Vila Madalena vira arte no CCRV

A exposição de Bill Soares recebe o nome de sua obra "Nicho de Oferendas" e fica em cartaz até 20 de fevereiro

Por: Redação

Imagine como seria a lembrança de um objeto que, após cumprir sua função, vai para o lixo. O artista Bill Soares buscou retratar tal memória durante as obras que compõem sua exposição “Nicho de Oferendas”. No dia12 fevereiro, das 14h às 22h30, o Centro Cultural Rio Verde recebe seus trabalhos, com entrada Catraca Livre.

divulgação
As obras compõem a terceira exposição solo do artista

Ao todo, 21 obras, 12 delas inéditas, dão forma à mostra de Bill que traz ao público um nicho de intensidade, a definição mais sólida de seu alfabeto visceral, formado pela revisitação do lixo, há 10 anos, nas caçambas da Vila Madalena.

Sobre Bill Soares

Bill Soares é artista plástico, designer, músico, animador em 3D e acumula mais de 40 anos de experiência nas principais emissoras de televisão e agências de propaganda do Brasil. Em 1967, deu início a sua carreira, na cidade de Recife.

O artista resgata os sentimentos, pensamentos, memórias e imaginário que marcou a vida útil do objeto

Foi Diretor de Arte das emissoras de televisão, Tupi, Manchete e Bandeirantes, além de atuar, de 1995 a 2005, como designer no Departamento de Criação Visual da emissora SBT. Estreou nas artes plásticas em 1990, na cidade de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, em mostra individual na Galeria Conceição dos Bugres.

Realizou também uma performance de pintura ao vivo durante a inauguração do Museu de Arte Contemporânea do Mato Grosso do Sul – MARCO – onde tem obra no acervo permanente. Posteriormente, foi convidado pela Fundação de Cultura do Estado de MS para dirigir o museu.