A Pinacoteca do Estado é o museu de arte mais antigo da cidade e certamente um dos mais importantes do país. Nasceu no prédio inicialmente construído para abrigar o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. Por isso, a história da Pinacoteca confunde-se em seus primórdios com a implantação do Liceu e sua presença no edifício conturbada por uma série de eventos históricos, como os conflitos de 1930 e 1932, além de reformas alternou-se com trans-ferências temporárias para outros locais, como o prédio da Imprensa Oficial e um pavilhão no Ibirapuera. Com um conjunto significativo de doações, se destacam os espólios de Henrique Bernardelli (1937), J. M. Azevedo Marques (1949) e Alfredo Mesquita (doações em 1975 e 1976, e espólio em 1994), este último enriquecendo o contingente com obras mo- dernistas e modernas; cabe destacar ainda a aquisição do espólio de Pedro Alexandrino (1944) e de um conjunto de cerca de 400 gravuras de Marcelo Grassmann (1969).

Cursos e Oficnas
O local oferece cursos sobre diversos temas ligados à arte. Como nem todos os eventos são gratuitos, é preciso ficar atento à programação. A Pinacoteca é tida como o museu de arte mais antigo da cidade de São Paulo. Tem em seu acervo peças de August Ro- din, entre outros artistas.