Últimas notícias:

Loading...

10 dicas para aproveitar São Paulo gastando pouco

Por: Redação

É possível viajar em um período de crise econômica? Se escolher São Paulo como destino, a resposta é sim! A maior metrópole do continente faz jus as suas características: uma capital acolhedora e diversa, que atende a todos os gostos e bolsos.

1 – O primeiro passo é pesquisar: Acesse os sites de busca de voos e fique de olho nas promoções! A capital paulista é atendida pelo maior aeroporto do país, o Internacional de São Paulo (GRU), de onde sai ou por onde passa grande parte da malha aérea do Brasil e do mundo. E também por Viracopos e Congonhas, que integram a lista dos top 10 aeroportos do país. Por isso, sempre há uma promoção para vir para Sampa.

Reprodução/http:/Parquedoibirapuera.com
Vista aérea do parque do Ibirapuera, na zona sul de São Paulo

2 – Procure as Centrais de Informação Turística: Elas fornecem aos visitantes panfletos, guias, roteiros de passeio e mapa da cidade que podem ajudar na programação. Acesse aqui para saber onde encontrar uma ou vá direto ao www.cidadedesaopaulo.com e confira as dicas.

3 – Para explorar as maravilhas paulistanas, vá de transporte público: É barato e você consegue chegar a quaisquer pontos turísticos. E mesmo se quiser usar apenas o transporte sobre trilhos, que é abundante na cidade, já é possível conhecer boa parte deles. De acordo com a Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos, são quase 60 estações de metrô e 150 trens à disposição de moradores e visitantes. Além disso, são aproximadamente 15 mil ônibus que circulam pelas ruas paulistanas durante a madrugada, da meia-noite às 4h.

4 – Alugue uma bike: Viva os melhores momentos de São Paulo sob duas rodas e não pague – ou pague muito pouco – por isso! Existem diversos pontos de aluguel de bicicleta espalhados pela capital. Na maioria deles, a primeira hora de pedalada é gratuita e o adicional varia de R$2 a R$5, em média. Conhecer a cidade de bike não é exclusividade das cidades européias! São Paulo tem investido muito na mobilidade urbana para buscar promover uma relação harmoniosa com o espaço público.

Fotos: Divulgação/Visit Brasil
Estação Júlio Prestes, na região central de SP

5 – Onde ficar? Hotéis e pousadas costumam ser mais caros devido aos serviços que oferecem. Mas se a idéia é gastar pouco, o hostel é aconselhável. Além de não mexer muito no bolso, os quartos compartilhados permitem às pessoas conhecer outros viajantes e desenvolver novas experiências. Segundo dados do Observatório de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo, são 70 hostels com 2,2 mil leitos disponíveis na capital. Há ainda a modalidade Bed & Breakfast (B&B), que está crescendo na cidade. Já há mais de 1,5 mil quartos cadastrados em São Paulo.

6 – Atrações gratuitas: Diversos pontos turísticos permitem entrada gratuita diariamente ou em determinados dias da semana . Por exemplo, o Museu da Língua Portuguesa é gratuito às terças-feiras e aos sábados; o Masp, às terças; o Museu do Futebol é gratuito aos sábados; exposições do acervo do Museu da Imagem e do Som (MIS) são gratuitas às terças-feiras.

7 – Também tem as opções de passeios ao ar livre: São inúmeros parques com quadras poliesportivas, playgrounds, ciclofaixas, equipamentos de academia, espaço para leitura e descanso. São algumas das opções Parque do Ibirapuera, Parque do Carmo, Praça Pôr do Sol, Parque Villa Lobos e Horto Florestal.

Crédito: TIAGO RAPOSOA tradicional feirinha do Masp, na avenida Paulista

8 – São Paulo tem passeio cultural baratinho: Mas as peças de teatro custam sempre uma fortuna, certo? Errado! A cidade atende a todos! O teatro da Livraria Cultura no Conjunto Nacional, por exemplo, oferece peças em que os ingressos variam de R$40 a R$60. E ainda tem as várias unidades do Sesc-SP presentes na cidade sempre com uma peça interessante e com preço popular.

9 – E na hora que a fome bater? Existem muitas opções de bares e restaurantes, alguns deles com opções de pratos comerciais a baixos preços. Ainda tem a opção das feirinhas gastronômicas e os food trucks.

10 – Se despedir da cidade sem levar souvenir não dá, né? Aproveite para conhecer algumas das ruas paulistanas famosas pelo comércio popular, como a Rua 25 de Março, Ladeira Porto Geral, os bairros do Brás e Bom Retiro, a rua José Paulino, entre outras. Além disso, tem as galerias pela Avenida Paulista e as feirinhas, como a que acontece na Praça Benedito Calixto e na Praça da Liberdade, e ainda os outlets.

Por SPTuris

Compartilhe: