EM ALTA

Cristo Redentor: tudo o que você precisa saber antes do passeio

O Rio de Janeiro, conhecida por suas belas praias, cultura vibrante e paisagens deslumbrantes, tem no Cristo Redentor um de seus principais cartões postais

O Cristo Redentor, majestoso e imponente, é um dos ícones mais reconhecíveis do Rio de Janeiro e do Brasil. Inaugurado em 12 de outubro de 1931, a estátua de 38 metros de altura (incluindo seu pedestal de 8 metros), situada no topo do Morro do Corcovado, atrai milhões de turistas anualmente.

O Rio de Janeiro, conhecida por suas belas praias, cultura vibrante e paisagens deslumbrantes, tem no Cristo Redentor um de seus principais cartões postais
Créditos: marchello74/iStock
O Rio de Janeiro, conhecida por suas belas praias, cultura vibrante e paisagens deslumbrantes, tem no Cristo Redentor um de seus principais cartões postais

Essa impressionante obra de engenharia e arte é um símbolo de paz e acolhimento, de braços abertos para receber visitantes do mundo inteiro. A cidade do Rio de Janeiro, conhecida por suas belas praias, cultura vibrante e paisagens deslumbrantes, encontra no Cristo Redentor um de seus principais cartões-postais.

A história do Cristo Redentor é fascinante. A ideia de construir um monumento religioso no topo do Corcovado surgiu no século XIX, mas só ganhou força em 1921, quando o Círculo Católico do Rio de Janeiro propôs a construção para marcar o centenário da Independência do Brasil.

Projetado pelo engenheiro Heitor da Silva Costa, com a colaboração do escultor francês Paul Landowski, o monumento se tornou uma realidade graças às contribuições de milhares de brasileiros. Hoje, visitar o Cristo é uma experiência imperdível, que oferece uma vista panorâmica espetacular do Rio de Janeiro.

Ir ao Cristo Redentor é mais do que apenas visitar uma estátua; é uma aventura completa. Desde a subida ao Corcovado, passando pelas trilhas e bondes, até a chegada ao topo, cada momento é uma oportunidade de explorar a rica cultura e a beleza natural do Rio.

Quer saber mais sobre como aproveitar ao máximo essa experiência? Vamos lá!

O Cristo Redentor é a segunda maior estátua de Jesus no mundo
Créditos: melissatvs/ Pixabay
O Cristo Redentor é a segunda maior estátua de Jesus no mundo

Como Chegar ao Cristo Redentor de Van

Uma das formas mais populares e práticas de chegar ao Cristo Redentor é de van. As vans oficiais partem de três pontos: Largo do Machado, Praça do Lido (Copacabana) e Paineiras (Centro de Visitantes).

Ir de van é conveniente e seguro, e os ingressos podem ser adquiridos na hora ou antecipadamente, evitando longas filas, especialmente na alta temporada. Os preços variam conforme o local de partida e a temporada:

  • Largo do Machado ou Praça do Lido (Copacabana): R$ 126,50 (alta temporada) e R$ 101,50 (baixa temporada). Crianças de 5 a 11 anos pagam R$ 71 e idosos a partir de 60 anos, R$ 58. Crianças até 4 anos não pagam.
  • Paineiras: R$ 81,50 (alta temporada) e R$ 56,50 (baixa temporada). Crianças de 5 a 11 anos pagam R$ 26 e idosos acima de 60 anos, R$ 13.

Para garantir acesso ao serviço de vans até o Cristo Redentor, os ingressos podem ser adquiridos em pontos estratégicos, como no Largo do Machado, próximo ao metrô, na Praça do Lido em Copacabana ou nas Paineiras, localizadas no Centro de Visitantes.

A partir desses pontos, os veículos partem em direção ao Corcovado. É importante notar que o valor do ingresso já engloba o acesso ao Cristo Redentor. Vale lembrar que moradores do Rio de Janeiro e cariocas têm desconto no valor do ingresso.

Como Chegar ao Cristo Redentor de Carro

Para os que preferem maior independência, chegar ao Cristo de carro também é uma opção viável. No entanto, devido à ausência de estacionamento no Centro de Visitantes, os visitantes devem estacionar nas Paineiras e de lá pegar uma van autorizada até o Cristo.

O trajeto até as Paineiras é bem sinalizado e permite explorar outras áreas do Parque Nacional da Tijuca. Siga pela Rua Cosme Velho e depois pela Ladeira dos Guararapes, virando na Rua Conselheiro Lampreia e seguindo as placas indicativas para o Corcovado. É importante lembrar que será necessário estacionar o carro na estrada e subir a ladeira a pé por cerca de 10 minutos.

Cristo Redentor: Como Subir a Pé

Para os mais aventureiros, subir ao Cristo Redentor a pé é uma experiência inesquecível. A trilha principal começa no Parque Lage, no Jardim Botânico, e leva aproximadamente duas horas de caminhada.

Com dificuldade moderada, a trilha oferece um contato direto com a Mata Atlântica e vistas incríveis. A entrada na trilha é gratuita, mas ao chegar ao topo, é necessário pagar a taxa de entrada no monumento, que custa cerca de R$ 31. A caminhada é ideal para quem gosta de natureza e atividade física, e a trilha está aberta das 8h às 17h.

Ingressos para o Cristo Redentor de Trem

Além das opções de van e trilha, você também pode subir de trem. O passeio de trem pelo Corcovado é uma experiência tradicional e muito procurada. É importante comprar os ingressos com antecedência.

Veja os preços para 2024:

  • Alta temporada: R$ 122,50
  • Baixa temporada: R$ 97,50
  • Crianças até 4 anos: Gratuito (no colo do responsável)
  • Crianças de 5 a 11 anos: R$ 67
  • Idosos acima de 60 anos (residentes no Brasil): R$ 33,50

Os embarques são feitos na Estação Cosme Velho, na Rua Cosme Velho, 513. Vale destacar que a bilheteria do trem não vende bilhetes para o mesmo dia, pois todos os ingressos possuem hora marcada e devem ser trocados na bilheteria.

7 Curiosidades Sobre o Cristo Redentor

  • Recorde de Altura: Com seus 38 metros de altura, o Cristo Redentor é uma das maiores estátuas de Jesus Cristo no mundo.
  • Patrimônio da Humanidade: Em 2007, o Cristo foi eleito uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo.
  • Material de Construção: A estátua é feita de concreto armado e pedra-sabão, um material resistente às intempéries.
  • Projeto Francês: O escultor francês Paul Landowski foi responsável pelo design do rosto e das mãos da estátua.
  • Pesos e Medidas: A estátua pesa cerca de 1.145 toneladas e cada braço tem 28 metros de envergadura.
  • Inspiração Religiosa: A ideia original era construir uma imagem da Virgem Maria, mas foi alterada para representar Jesus Cristo.
  • Iluminação Especial: Em ocasiões especiais, como o Natal e o Ano Novo, o Cristo Redentor recebe iluminações temáticas, tornando-se ainda mais deslumbrante à noite.